Manaus 30º • Nublado
Domingo, 27 Novembro 2022

Projeto 'Jiu Jitsu Rotam' oferece 100 vagas em Cuiabá

Projeto 'Jiu Jitsu Rotam' oferece 100 vagas em Cuiabá
As inscrições para o projeto social 'Jiu Jitsu Rotam' começaram nesta segunda-feira (16). O projeto do Batalhão de Rondas Ostensivas Tático Móvel (Rotam) oferece 100 vagas para crianças, adolescentes e adultos de baixa renda.
Para se inscrever o candidato deve procurar a sede do Batalhão, na rua Major Gama, no bairro Dom Aquino, em Cuiabá, levando cópia dos documentos pessoais, duas fotos 3x4 e comprovante de endereço. Caso seja menor de 18 anos, deverá apresentar cópia dos documentos pessoais do responsável e um atestado de vínculo escolar.
Foto: Divulgação
As aulas serão as segundas, quartas e sextas-feiras no período vespertino. Atualmente, o projeto atende 120 crianças e 40 adultos. Em 2016, os alunos do projeto participaram de cinco campeonatos estaduais e três campeonatos nacionais. Neste último, um dos alunos foi graduado e recebeu o título de vice-campeão.
O coordenador do “Jiu Jitsu Rotam”, cabo PM Roderiky Cardoso, ressalta a importância do envolvimento dos pais para acompanhar o desenvolvimento dos filhos junto às atividades do projeto.
Felipe Leonardo foi o aluno destaque em 2016. O garoto de 11 anos ganhou todas as competições estaduais nas quais participou. Como reconhecimento foi presenteado pela coordenação do projeto com um smartphone. “Quero ser um lutador profissional, por isso me dedico muito em todas as aulas”, disse Felipe. 

Novidades
Este ano, os alunos do projeto terão acompanhamento médico especializado na área de desenvolvimento esportivo e infantil. Isso graças a uma parceria firmada com um médico pediatra e especialista em nutrição esportiva. “Ele fará o acompanhamento das crianças com consultas e exames, orientando caso haja alguma necessidade especial”, explicou o cabo PM Roderiky Cardoso.
Além disso, o batalhão Rotam conseguiu apoio de duas academias de jiu jitsu que realizarão campeonatos interacadêmicos com premiações simbólicas para os alunos.
O coordenador acredita que a parceria vai possibilitar avaliar melhor o desempenho dos alunos e estimular a prática esportiva. “A nossa intenção é dar oportunidade aos alunos de se relacionar com outros lutadores, assim eles poderão elevar o desempenho e motivação”, falou.
O projeto
Há três anos o projeto “Jiu Jitsu Rotam” proporciona atividade esportiva para crianças e adolescentes do bairro Dom Aquino, em Cuiabá.
Em 2016 a unidade realizou o evento “Arraiá Rotam” e reverteu a renda arrecadada para o projeto. Foram R$ 120 mil que possibilitaram a compra de tatames, colchonetes, ventiladores e assessório esportivos. Além disso, foi feita a expansão do espaço interno onde são realizadas as aulas na unidade.
“Já tínhamos percebido o interesse de novos jovens em participar do projeto, mas o nosso espaço era muito limitado. Com a arrecadação pudemos estruturar melhor este ambiente e nos prepararmos para receber mais 80 novos alunos este ano”, afirmou Roderick.

Veja mais notícias sobre Esportes.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 27 Novembro 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/