Manaus 30º • Nublado
Quarta, 27 Outubro 2021

Plano B debate soluções digitais para cidades e negócios inteligentes

Plano B debate soluções digitais para cidades e negócios inteligentes
Debater o crescimento das cidades amazônicas é muito importante, ainda mais no contexto em que vivemos. Na tarde desta quinta-feira (17), o empresário, coach e empreendedor, Carlos Oshiro, gravou mais uma edição do programa Plano B que vai ao ar neste sábado (20), a partir das 10h, na rádio CBN Amazônia 101,5 FM.

Nesta edição, Oshiro recebeu o CEO e fundador da Redmaxx, Márcio Lins, e também o representante da Microsoft do Vale do Silício (EUA), Eli Cortez, que debateram o tema “Soluções Digitais para Cidades e Negócios Inteligentes”. A gravação aconteceu durante a segunda edição da Feira do Polo Digital de Manaus, no Studio 5 - Centro de Convenções.
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia



De acordo com Oshiro, o tema precisa ser discorrido pelas cidades da Amazônia. “Estamos vivendo de desenvolver novas alternativas para gerar faturamento da nossa região que é tão dependente do Polo Industrial. Acho que um Polo Digital viria bem a calhar, ainda mais pelo mote da Amazônia que é bastante chamativo para o mundo”, contou.


Ainda segundo o apresentador da CBN Amazônia, a Feira do Polo Digital só mostra o caminho correto a se seguir. “É importante que as pessoas se informem e busquem formas de levar seu negócio para frente. Hoje, aqui na feira, temos vários exemplos de empreendimentos que são bem sucedidos e merecem uma chance de reconhecimento”, destacou Oshiro.
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia


Segundo Márcio Lins, um dos entrevistados do Plano B, a capital do Amazonas usufrui das verbas da Lei de Informática. "As empresas que produzem bens de informática são obrigadas a investir em pesquisa e desenvolvimento, por conta disso, a gente tem até R$ 1 bilhão por ano para investir em tecnologia. O nosso povo possui vocação tecnológica, e é por conta dela que existe iniciativas como a Feira do Polo Digital", explicou Lins.

Público

O empreendedor Lucas Fidel prestou atenção no debate mediado por Oshiro. Ele acredita que existe uma oportunidade boa para os empresários que desejam investir no Polo Digital. "Existe um medo inicial, principalmente, por Manaus ter o Polo Industrial, mas existe uma saída e fiquei feliz por ter acompanhando ao Plano B", disse.

Essa não foi a primeira vez que o estudante de design, Victor Teixeira, acompanhou uma edição do Plano B. Ele contou ao Portal Amazônia que acha válido que os jovens tenham acesso ao conteúdo. "São temas relevantes para a sociedade, ainda mais nós que estamos nos bancos das universidades. Meu projeto final é construir um sistema digital que beneficie Manaus. Pude conversar com os palestrantes, e acho que estou no caminho certo", garantiu.
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia


Plano B


O Plano B tem o selo Acelera Amazônia, e tem o objetivo de unir forças em busca de soluções e possibilidades de ações dos problemas que envolvem a região e discutir o futuro dos negócios.


Acelera Amazônia

O Acelera Amazônia é um selo de apoio da Fundação Rede Amazônica que tem como objetivo inspirar e fortalecer o empreendedorismo inovador através de ações que conectem empreendedores, instituições e comunidade levando em consideração o desenvolvimento sustentável da Amazônia.


Fram


A Fundação Rede Amazônica é o braço institucional do Grupo Rede Amazônica, comprometida com a integração e desenvolvimento da Amazônia, com a missão de capacitar pessoas, articular parcerias e contribuir para o desenvolvimento social, ambiental e científico-tecnológico da região.

Veja mais notícias sobre Ciência e Tecnologia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 27 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/