Expressões pejorativas associadas à indígenas para não usar mais

Mesmo depois de 500 anos da colonização ainda são utilizadas muitas expressões no cotidiano que diminuem e desprezam a cultura indígena.

Após a colonização portuguesa e de outros povos no Brasil, foram introduzidos muitos termos pejorativos relacionados aos povos originários indígenas desvalorizando sua cultura e saberes. Esse foi um dos vários métodos de “desconstrução cultural” praticado pelos colonizadores, o “apagamento cultural”, que ocorria inclusive através da catequização indígena.

Desde então, consolidou-se um racismo estrutural e preconceito contra os povos originários. E mesmo depois de 500 anos da colonização ainda são utilizadas muitas expressões no cotidiano que apesar de não estarem associadas diretamente aos indígenas, diminuem e desprezam sua cultura.

O Portal Amazônia traz quatro expressões que simbolizam preconceito e discriminação e devem deixar de serem usadas.

Foto: Andeps/Divulgação.

“Programa de índio” 

Essa expressão é comumente utilizada para se referir a alguma atividade ou evento considerado chato, entediante, desestimulante. O fato de ser associada aos povos indígenas de maneira negativa é completamente discriminatório, além de desconsiderar toda a cultura, costumes e hábitos indígenas. Outro ponto é que o termo índio é igualmente pejorativo, o correto é indígena.

“Você mora na tribo?” 

O termo tribo está associado à sociedades primitivas, que não se desenvolveram com o tempo ou seguiram uma linha de evolução. Para se referir ao local equivalente à “comunidade” para indígenas, o termo correto é aldeia. Além de “tribo” não ser correto, não demonstra respeito ou individualidade aos povos originários.

“Índio é preguiçoso”

Afirmar que um indígena é preguiçoso, não gosta de trabalhar ou fazer trabalhos domésticos apenas pelo fato de ele fazer parte de uma cultura diferente, é outro aspecto preconceituoso que ainda faz parte de cultura atual. Indígenas tem suas próprias rotinas e dinâmicas sociais que devem ser respeitadas.

“Parece índio”

Como dito anteriormente, a palavra índio faz parte de um apagamento cultural dos povos originários. O correto é indígena, pois abrange conceitos como “original do lugar” e “nativo”. 

A expressão “parece um índio”, e derivados, referem-se a um momento em que alguém está em um local distante de sua realidade social e fica surpreso, em êxtase, mas a conotação é pejorativa, uma vez que o interlocutor que usa essa expressão julga o comportamento da outra pessoa como inadequado.

Para não repetir

Muitas destas expressões são passadas através das gerações, de forma oral. Por isso é sempre importante antes de usar um termo que pode parecer pejorativo para um certo povo, pesquisar sua origem e definição, além de considerar as particularidades de cada comunidade. 

Que outras expressões também deveriam ser retiradas das falas populares?


Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

A realidade da Reserva Legal na Amazônia e o Projeto de Lei 3334/2023

As Reservas Legais, juntamente com as APPs, desempenham um papel essencial nesse contexto, protegendo a vegetação nativa e garantindo acesso aos benefícios proporcionados pelos ecossistemas.

Leia também

Publicidade