Manaus 30º • Nublado
Quarta, 30 Novembro 2022

Estouro do balão dourado: um símbolo de esperança para crianças com câncer

setembro-dourado-gacc-instagram

De acordo com dados do Observatório Global do Câncer (Globocan) da Organização Mundial da Saúde (OMS), o câncer é a segunda principal causa de morte entre pessoas de 0 a 19 anos na América Latina e Caribe, com cerca de 29 mil crianças sendo diagnosticadas anualmente. Os tipos mais comuns de câncer são leucemia, linfoma, tumores do sistema nervoso central, tumor de Wilms e retinoblastoma.

Estima-se que a cada três minutos, uma criança morre de câncer. Por ano, a estimativa é alarmante: mais de 300.000 crianças com idades entre 0 e 19 anos são diagnosticadas com câncer em todo o mundo; aproximadamente 8 em cada 10 crianças vivem em países de renda baixa e média, onde a taxa de sobrevivência é de quase 20%.

Mas nas últimas quatro décadas, o progresso no tratamento do câncer na infância e na adolescência foi extremamente significativo, segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA). Em torno de 80% das crianças e adolescentes acometidos da doença podem ser curados, se diagnosticados precocemente e tratados em centros especializados. 

O Grupo de Apoio à Criança com Câncer (GACC) é uma das entidades especializadas e realiza um evento em comemoração ao fim da última sessão de quimioterapia das crianças chamado "Balão da Cura", um símbolo de recomeço para as crianças junto com as famílias.

Foto: Reprodução/Organização Pan-Americana de Saúde

Setembro Dourado

O GACC do Amazonas (GACC-AM), em parceria com a Confederação Nacional de Instituições de Apoio e Assistência à Criança e ao Adolescente com Câncer (CONIACC), promove o Setembro Dourado, campanha que busca sensibilizar a população sobre a importância do diagnóstico precoce da doença.

Durante o mês de setembro de 2022, a campanha foi desenvolvida em parceria com 47 filiadas da CONIACC, distribuídas no Brasil. No Amazonas, o GACC é responsável pela iniciativa e trabalha na conscientização da população.

Foto: Jaime Lima/GACC

Para finalizar a campanha, o Grupo de Apoio promove uma nova edição do estouro do "Balão da Cura".

"O Balão da Cura começou no ano passado em setembro, desde sua criação 12 crianças já estouraram. Elas terminaram o tratamento de quimioterapia, é um momento para celebrar a vida delas e sua cura. Essa já é a terceira edição, acontecem assim que temos crianças que finalizaram o tratamento"

afirma Jaime Lima, Assessor de Comunicação do GACC.

Uma nova ação de estouro do balão acontece em 29 de setembro, na casa de acolhimento do GACC-AM, localizado na Avenida Domingos Jorge Velho, número 14, bairro Dom Pedro, Zona Centro-Oeste de Manaus. 

O estouro será realizado por duas crianças, marcando a terceira edição da cerimônia este ano. 

"Nós queremos mostrar uma nova perspectiva sobre a situação, que celebre a vida dessas crianças. Geralmente o câncer é associado a uma sentença fatal, mas elas não deixam de ser crianças, precisam de todo apoio e suporte durante o tratamento. O estouro do balão é justamente um momento para celebrar tudo isso. E há chances importantes de cura principalmente quando diagnosticada com antecedência, essa é a motivação principal do Setembro Dourado também. O Balão da Cura marca o fim dessa data, que busca dar visibilidade aos sintomas do câncer infantojuvenil"

explica Jaime.

O Grupo de Apoio à Criança com Câncer é uma organização sem fins lucrativos que viabiliza a cura desta doença em crianças e adolescentes, além de promover o bem-estar físico e psicossocial das famílias, atuando há 23 anos prestando serviços assistenciais, apoiando mais de 1.100 crianças neste período. 

Os atendidos necessitam de condições necessárias para que alcancem a cura do câncer. O GACC fornece regularmente kits suplementares para garantir todos os nutrientes necessários a eles, e cestas básicas para as famílias em situação de vulnerabilidade social, além de contribuir com o transporte aos atendimentos médicos exigidos a cada pessoa, colaborando para que compareçam no tempo certo ao tratamento. 

O grupo também fornece serviços de hotelaria para quem não possui estadia em Manaus. Atualmente o GACC está atendendo aproximadamente 450 crianças ativas.


Veja mais notícias sobre SaúdeAmazonas.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 30 Novembro 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/