Manaus 30º • Nublado
Sexta, 12 Abril 2024

Parque Estadual do Utinga recebeu quase meio milhão de visitantes em 2023; veja fotos

O Parque Estadual do Utinga "Camillo Vianna" tem se tornado cada vez mais popular entre os moradores e turistas que visitam a capital paraense, Belém. O local atraiu um número surpreendente de visitantes ao longo do ano de 2023. 

Até o dia 14 de dezembro, mais de 430 mil pessoas já haviam passado pela Unidade de Conservação (UC), superando as expectativas de público.

Parque Estadual do Utinga. Foto: Pedro Guerreiro / Agência Pará

Com mais de 1,3 mil hectares, o espaço gerenciado pelo Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-Bio) e a Organização Social (OS) Pará 2000, é uma autêntica representação do bioma amazônico. Além disso, é a escolha ideal para quem busca contemplar a natureza, praticar atividades físicas e o lazer.

O espaço gerenciado pelo Ideflor-Bio e a Organização Social (OS) Pará 2000. Foto: Pedro Guerreiro / Agência Pará

O local oferece uma variedade de atrativos naturais, como trilhas, lagos e uma rica biodiversidade. Também conta com uma estrutura de apoio aos visitantes, incluindo quiosques, banheiros e áreas de descanso. 

Esses aspectos são determinantes para atrair públicos diversos, desde famílias em busca de um ambiente tranquilo, até praticantes de esportes e amantes da natureza.

O local oferece uma variedade de atrativos naturais. Foto: Rodrigo Pinheiro / Agência Pará

A Gerência da Região Administrativa de Belém (GRB), responsável pela UC, afirma que tem se empenhado para garantir a preservação ambiental e a segurança dos visitantes. 

Para isso, o espaço recebe ações de educação ambiental, além de um controle rigoroso do acesso e do cumprimento das normas de visitação. A presença de agentes do Batalhão de Polícia Ambiental e de vigilantes também contribui para a segurança dos visitantes.  

O Parque Estadual do Utinga tem se tornado um importante impulsionador do turismo sustentável. Foto: Pedro Guerreiro / Agência Pará

Oportunidades 

Com o grande número de usuários, o Parque Estadual do Utinga tem se tornado um importante impulsionador do turismo sustentável em Belém. Além de proporcionar momentos de lazer e contato com a natureza, a visitação ao local gera benefícios econômicos para a região, impulsionando a atividade turística e gerando dezenas de empregos diretos e indiretos.

Com o anúncio da capital paraense como sede da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas, a COP 30, em 2025, o Ideflor-Bio e a Pará 2000 planejam uma série de medidas para melhorar a experiência dos visitantes, como a instalação de novas placas de sinalização ao longo da via, trilhas e pontos de contemplação da natureza, pontos de hidratação, áreas recreativas, entre outros.

"Diante do sucesso alcançado em 2023, nossa expectativa é de que o Parque Estadual do Utinga continue atraindo cada vez mais visitantes nos próximos anos. Através de uma gestão compartilhada, pretendemos investir em melhorias na infraestrutura e na oferta de serviços, buscando sempre conciliar a visitação com a preservação ambiental. Dessa forma, a UC tem tudo para se consolidar como um dos principais atrativos turísticos da região amazônica", 

enfatizou o titular da GRB, Ellivelton Carvalho.
A visitação ao local gera benefícios econômicos para a região. 
O local oferece uma variedade de atrativos naturais. Foto: Rodrigo Pinheiro / Agência Pará
O espaço gerenciado pelo Ideflor-Bio e a Organização Social (OS) Pará 2000. Foto: Pedro Guerreiro / Agência Pará

Veja mais notícias sobre TurismoPará.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 12 Abril 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/