Manaus 30º • Nublado
Sábado, 02 Julho 2022

O que fazer ao encontrar um animal peçonhento em casa?

Picsart_22-01-05_12-39-52-140

Caracterizado pelo grande volume e intensidade de chuvas na região, o inverno amazônico é conhecido como a época em que os moradores tiram seus moletons do guarda-roupa e só saem acompanhados de um bom guarda-chuva.

Mas é nessa época também que a população começa a receber algumas "visitas" inusitadas. Caramujos, sapos, escorpiões e até mesmo cobras costumam aparecer em casas e apartamentos, principalmente aqueles localizados próximos de áreas com mata.

O Portal Amazônia explica como proceder ao se deparar com algum animal silvestre.

Leia também: Saiba o que é o inverno amazônico e por que o Amazonas vive a estação 'peculiar'

Foto: Acervo pessoal/Moradores do bairro Nova Cidade

Recentemente moradores do bairro Nova cidade, na Zona Norte de Manaus, no Amazonas, encontraram um escorpião dentro de uma residência. No mesmo dia, um sapo foi encontrado em uma casa no Centro, Zona Sul da capital amazonense. Em ambos s casos, os moradores residiam próximo a área de mata.

Resgates

De acordo com o Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), um dos órgãos responsáveis pelo resgate dos animais vertebrados, nesse período de chuvas aumenta a incidência de resgates de jacarés, por exemplo.

Em 2021, a Gerência de Fauna do Ipaam atendeu em torno de 220 pedidos de resgate, com o total de 239 animais recolhidos. Como parte do procedimento, a equipe efetua uma averiguação prévia das espécies e após constatação de bom estado de saúde é executado um mapeamento da região, para localização de habitat verde e adequado para a soltura nas redondezas, porém distante de locais urbanos.

Sapo é encontrado na zona sul da capital amazonense. Foto: Isabelle Lima/Acervo pessoal

Então, como proceder?

Em caso de pessoas que habitem próximas à áreas com vegetação, devem estar atentas nesse período de chuvas intensas e em caso da presença de animais silvestres, os moradores devem contatar a equipe de resgate do órgão por meio dos números (92) 2123-6739 e (92) 98438-7964 (Whatsapp) ou do endereço eletrônico .

No início de 2022, duas preguiças-bentinho (Bradypus-tridactylus) fêmeas adultas foram encontradas na área residencial do bairro Tarumã, na Zona Oeste de Manaus.

Elas foram recolhidas com auxílio de materiais específicos e levadas de modo seguro por meio de caixas de transporte para a posterior soltura.

Duas preguiças-bentinho foram o foco do primeiro resgate realizado pelo Ipaam em 2022. Foto: Divulgação

Outro órgão que atua em resgates de animais vertebrados é o Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAmb). O comandante do batalhão, major Wallason Lira explica:

"Essa situação de resgate e captura de animal é feito pelo Batalhão quando a gente tem situação de risco, ou para a comunidade ou para os próprios animais. A maioria das vezes nós fazemos a captura de répteis e ofídios. Os demais ficam para o Ipaam e Ibama".

informou o Major Wallason.

O disk-denúncia do Batalhão é o número (92) 98842-1553. 

Se o animal estiver lesionado ou enfermo, é encaminhado para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas), do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Para quem tem animais domésticos, como em caso de gatos e cachorros, é preciso manter distância do animal silvestre. Em caso de ataque físico, levar o animal para o veterinário.

Veja mais notícias sobre Amazônia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sábado, 02 Julho 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/