Acre desmatou 11 km² de floresta em abril, aponta Imazon

Houve aumento de 10% de área desmatada, se comparado com abril de 2021. Do total da área desmatada na Amazônia Legal, 3% ocorreu no estado acreano.

Em abril, o Acre apresentou uma área desmatada 10% maior do que a do ano passado neste mesmo período dentro da Amazônia Legal, segundo dados do Sistema de Alerta de Desmatamento (SAD) do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon), publicados na última quarta-feira (11). O levantamento mostra que o Estado desmatou uma área de 11 quilômetros quadrados em abril. No mesmo mês no ano passado, essa área era de 10 km².

No acumulado de agosto de 2021 a abril de 2022, o estado acreano registrou 440 quilômetros quadrados de desmatamento. Apesar de alto, o número é 10% menor que o registrado entre agosto de 2020 a abril de 2021, que foi de 488 Km² de destruição.

Foto: Reprodução/Arquivo/PF-AC

A Amazônia Legal teve 1.197 quilômetros quadrados de seu território desmatado no mês passado, o que também representa um aumento de 54% em relação ao mesmo período no ano passado, quando o desmatamento somou 778 km².

Em abril de 2022, o SAD detectou 1.197 quilômetros quadrados de desmatamento na Amazônia Legal, um aumento de 54% em relação a abril de 2021, quando o desmatamento somou 778 quilômetros quadrados.

O desmatamento no estado acreano representou 1% do total na Amazônia Legal. No ranking dos estados com maior área desmatada, o Mato Grosso lidera a lista com a maior parte do percentual (31%), seguido por Amazonas (29%) e Pará (20%).

*Por Iryá Rodrigues, do g1 Acre


Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

Portal Amazônia responde: o que é comida ‘remosa’?

Um estudo buscou promover uma revisão bibliográfica sobre o tema e propor uma hipótese teórica para o fenômeno.

Leia também

Publicidade