Manaus 30º • Nublado
Segunda, 27 Setembro 2021

Hemopa intensifica campanha de doação de sangue no Pará

Washington da Silva é policial militar e está na linha de frente da atuação contra a Covid-19, em Santarém. Nesta quarta-feira (3) ele tirou um tempinho para realizar doação de sangue no Hemocentro Regional. "Estamos trabalhando direto, mas temos a consciência de ajudar quem mais precisa neste momento. Por isso, vim doar".

A região do Baixo Amazonas está em lockdown (todas as atividades não essenciais suapensas) por causa da pandemia. Alenquer, Almeirim, Belterra, Curuá, Faro, Juruti, Mojuí dos Campos, Monte Alegre, Óbidos, Oriximiná, Placas, Prainha, Santarém e Terra Santa são os municípios em bandeira preta, com alto risco de contaminação.

A Fundação Hemopa é serviço essencial à vida e não pode parar. Centenas de pacientes precisam de transfusão de sangue todos os dias. O Hemocentro Regional de Santarém, por exemplo, precisa atender a demanda transfusional de 22 hospitais do oeste do Pará.

A pedagoga Josane Gama é uma doadora consciente e marcou presença para fazer a doação neste período de lockdown. "Sabemos que este é um período de dificuldades para muitas famílias, então a gente tem que fazer a nossa parte para ajudar. Eu sei que este meu ato vai salvar a vida de outras pessoas", ressaltou.

O Hemopa tem reforçado as medidas de segurança sanitária em todas as unidades de coleta de sangue do estado e retomando com o serviço de agendamento para a doação, por meio do 0800 280 8118.

O uso de máscara é obrigatório, álcool em gel está disponível para todos os usuários e o distanciamento é estabelecido desde a Recepção de Doadores. Além disso, os equipamentos são higienizados com álcool 70% após o uso de cada voluntário.

Clique aqui e confira onde estão as unidades de coleta mais próximas de você e faça a sua doação de sangue.

Caravana Solidária

Uma estratégia que deu certo em 2020, início da pandemia, foi a parceria com as Caravanas Solidárias. Grupos de igrejas, bairros, empresas públicas e privadas, entre outras, marcavam um dia para estar na unidade de coleta e efetuar a doação de sangue.

No Hemocentro de Belém ainda existe a possibilidade de oferecer o micro-ônibus como carona para a Caravana. Com a marcação prévia, o Hemopa busca os doadores num local pré-determinado e após a doação, deixa de volta no mesmo local.

"Temos que nos adaptar às circunstâncias e oferecer opções aos doadores. Além do agendamento, as pessoas também podem montar suas caravanas com até 15 pessoas para buscar os voluntários no local marcado", destacou Juciara Farias, gerente de Captação de Doadores do Hemopa.

Qualquer pessoa pode montar uma Caravana Solidária e marcar com o Hemopa, em Belém, pelo telefone 3110-6622 / 6623.

Campanha Externa

Nesta quinta-feira e sexta-feira, dias 4 e 5, a unidade móvel de coleta de sangue estará no estacionamento do Shopping Metrópole, em Ananindeua. Esta é uma estratégia de descentralização dos serviços de coleta de sangue, possibilitando atender doadores de bairros mais distantes de pontos fixos de coleta. O atendimento será das 9h às 17h.

O cidadão que deseja fazer a doação de sangue precisar seguir os critérios básicos: ter entre 16 e 69 anos (menores de idade devem estar acompanhados do responsável legal); pesar mais de 50 kg e estar em boas condições de saúde. No momento do cadastro, é obrigatório apresentar um documento de identificação oficial, original e com foto (RG, CNH, passaporte ou carteira de trabalho).

Quem teve Covid-19 também pode voltar a doar sangue, só precisa esperar 30 dias após a cura. Quem teve contato com pessoas que tiveram a doença deve esperar 14 dias após o último contato. 

Veja mais notícias sobre SaúdePará.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Segunda, 27 Setembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/