Gestores públicos e prefeitos se reúnem em Belém para Fórum de Cidades Inteligentes 

Belém sedia encontro que visa fomentar o uso da tecnologia para melhorar a gestão dos municípios.

Belém sedia, no dia 5 de junho, o Fórum de Cidades Digitais e Inteligentes para tratar de tecnologia e inovação no desenvolvimento dos municípios paraenses. Com apoio da Federação das Associações dos Municípios do Estado do Pará (FAMEP), o evento, promovido pela Rede Cidade Digital (RCD) em parceria com a Prefeitura de Belém, por meio da Companhia de Tecnologia da Informação de Belém (Cinbesa), vai reunir no Palácio Antônio Lemos prefeitos, gestores, servidores e especialistas.

O diretor-presidente da Cinbesa, Antônio Paracampo, ressaltou a importância de Belém realizar o evento para promover o compartilhamento de conhecimentos e informações sobre tecnologias utilizadas em benefício da sociedade.

“Trazer esse tipo de evento garante que a população ‘veja’. A questão do princípio da transparência mostra o que um governo está realizando para atender a uma determinada demanda e o fortalecimento de cidades digitais e inteligentes garante maior eficiência da prestação de serviço do poder público à sua população”, afirma Paracampo. 

O Fórum de Cidades Digitais e Inteligentes em Belém é o primeiro evento presencial da Rede Cidade Digital no Estado do Pará. Conforme destaca o diretor da RCD, José Marinho, o objetivo do evento, já consolidado em vários Estado brasileiros, é promover um ambiente de interação e acesso a diversas soluções disponíveis para melhorar o atendimento ao cidadão: 

“O objetivo é abordar tudo que tem sido feito visando a melhorar a oferta de serviços. A pandemia intensificou mais esse movimento com a implementação de políticas públicas voltadas para melhorar a vida das pessoas por meio da tecnologia e da inovação”, observa Marinho.

COP-30, um desafio para Belém

“Belém tem um desafio muito importante e queremos contar com o Fórum de Cidades Inteligentes e as instituições que compõem essa rede”, ressalta o prefeito Edmilson Rodrigues. “Em 2025, Belém vai sediar a conferência sobre o clima da ONU, a COP-30, e isso nos exige, cada vez mais, estabelecer conexões sobre as mais diversas dimensões da vida humana e da vida urbana em particular. Uma das estratégias centrais do planejamento estratégico de gestão é tornar Belém Inteligente Metrópole Amazônica da Inovação”, conclui Edmilson Rodrigues.

Prefeitos Inovadores 

Durante o Fórum de Cidades Digitais e Inteligentes da “Região de Belém”, a Rede Cidade Digital também realiza a entrega do título de Prefeito Inovador 2024 dessa região. Para a seleção e o reconhecimento, são considerados diversos fatores, entre eles a utilização da tecnologia de forma estratégica na gestão pública, como forma de melhorar a prestação de serviços e qualidade de vida do munícipe, e o impacto positivo no desenvolvimento das cidades.

Além de políticas públicas e modelos implementados nos municípios, no encontro os gestores terão acesso às soluções desenvolvidas pela 1Doc, Aprova, Portal de Compras Públicas e Layout Sistemas. 

*Com informações da Agência Belém

Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

Novo santuário de árvores gigantes na Amazônia é revelado no oeste do Pará

No novo santuário, cientistas descobriram pelo menos mais 38 árvores de grande porte, duas delas com mais de 80 metros de altura.

Leia também

Publicidade