Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Sexta, 07 Mai 2021

Uepa é posto de vacinação para idosos a partir de 84 anos de idade

O Campus IV da Universidade do Estado do Pará (Uepa), onde funciona a Escola de Enfermagem Magalhães Barata, recebeu nesta quarta-feira (17) novas doses da vacina Coronavac, do Instituto Butantan, para dar continuidade a mais uma etapa de imunização da população belenense contra Covid-19. Desta vez, o público alvo do Plano de Vacinação Municipal são todos idosos de 84 anos ou mais. A vacina segue nesta quinta-feira, 18, no horário das 8h às 16h.

O cadastramento para receber a vacina pode ser realizado em dois formatos: drive thru ou presencial. Para receber a vacina é necessário que o idoso esteja munido de RG, CPF, comprovante de residência e cartão do Sistema Único de Saúde (SUS).

A imunização está aberta também aos idosos que irão completar 84 anos até o término do ano de 2021 que residam, exclusivamente, em Belém, além de pessoas acima de 85 anos e que ainda não se vacinaram na etapa anterior.


Foto: Divulgação

Segundo a supervisora da Secretaria de Saúde Municipal (Sesma) e egressa da Uepa, Camilla Lisboa, é importante estar atento aos horários e documentos necessários para evitar aglomeração e problemas no cadastramento.

"Agora que o Plano de Vacinação Municipal está consolidado e entrou na rotina da cidade é de grande importância que o acompanhante do idoso esteja atento aos horários e documentos necessários para evitar problemas e desgastes. Portanto, é necessário acompanhar o site da prefeitura e da Sesma para estar sempre bem informado sobre as etapas da campanha", afirmou a supervisora Camila Lisboa.

Para coordenadora da Escola de Enfermagem, professora Margareth Bittencourt, o fato de a Uepa participar do Plano de Vacinação Municipal com docentes e discentes, além de ceder os espaços da campus, demonstra a relevância que a Instituição tem para a cidade de Belém, além de ser a possibilidade de expandir o currículo profissional daqueles que estão participando da campanha.


Foto: Divulgação

"Para nós, da Escola de Enfermagem, é uma honra poder estar à disposição da população belenense neste momento tão importante de imunização contra a Covid-19, além de ser uma possibilidade de engrandecer o currículo profissional dos nossos discentes e docentes, pois eles irão receber um certificado dado pela Uepa e pela Sesma por terem participado do Plano de Vacinação Municipal", comentou a coordenadora da Escola de Enfermagem.

A Escola de Enfermagem recebe idosos para realizar o cadastro e receber a primeira dose da vacina, assim como, também. O público também recebe uma carteira da vacinação com a data da segunda dose já agendada, como comentou o aposentado José Pinheiro. "Quando eu soube que ia começar a vacinação para o público da minha idade eu decidi vir direto na Uepa, pois muitos compadres meus comentaram que o atendimento era muito bom e que você já saia com a segunda dose com data marcada, e depois de vir tenho certeza que escolhi o lugar certo pra me vacinar", disse.

A vacina já foi aplicada nos grupos prioritários da primeira fase - Profissionais da Saúde que atuam nos hospitais municipais, federais, estaduais e particulares; idosos albergados e pessoas com idade a partir de 85 anos; indígenas da etnia Warao e quilombolas. O total de pessoas vacinadas em Belém, até o momento, é de 29.996.  

Veja mais notícias sobre ParáSaúde.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 07 Mai 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/