Manaus 30º • Nublado
Terça, 31 Janeiro 2023

Ovo coberto ou pastel? Receita simples faz sucesso em Cruzeiro do Sul

Incrementar receitas é um dom do brasileiro. O maior exemplo disso é o cachorro-quente, conhecido carinhosamente, em algumas regiões da Amazônia, como o "kikão". 

Mas você já pensou em comer um ovo coberto de pastel? Em Cruzeiro do Sul, interior do Acre, a receita, que consiste em envolver o ovo cozido com massa de pastel, existe e faz sucesso.

Conheça e aprenda a fazer um dos salgados regionais mais vendidos em Cruzeiro do Sul. Foto: Arquivo pessoal

Quem vende o salgado garante que ele é um dos queridinhos e mais tradicionais nas lanchonetes da cidade. "O pastel de ovos ou ovo coberto é o terceiro salgado mais vendido em Cruzeiro do Sul, só perde pro pastel de queijo e o quibe de arroz. Os cruzeirenses amam um ovo coberto quentinho, mas ele não é tão conhecido em outras cidades", conta Gleiciane Borges, que trabalha vendendo salgados há 15 anos.

E ela aprendeu a receita com os pais, que também se aposentaram vendendo salgados. "Com 8 anos já ajudava meus pais a fazer salgados e, por isso, aprendi a fazer o ovo coberto, que é um salgado muito simples de fazer e delicioso", garante.

A receita é simples e o resultado é um pastel bem diferente e que vai muito bem para um lanche no meio da tarde. Assim como ocorre com outras receitas, não é comum encontrar o ovo coberto com pastel em outras cidades do Estado. O que para Gleciane deveria ser mudado.

"Como cozinheira gostaria que fosse mais reconhecida em outras cidades e até no Estado", conta. E para quem quiser testar, ela detalhou como fazer esse salgado que é bem regional no Juruá, mas que qualquer pessoa pode fazer, já que é uma receita bem simples. 

Foto: Arquivo pessoal

Ovo coberto + pastel 

Massa

1 kg de Farinha de trigo
1 ovo
1 colher de (sopa) de sal
1/2 de chá de óleo
250 ml de água


Recheio

Carne moída
Ovos

Modo de preparo

Após o preparo da massa de pastel, basta rechear com uma colher de carne e metade de um ovo cozido e levar para fritar.


*Por Tácita Muniz, com a colaboração de Bruno Vinicius, da Rede Amazônica Acre

Veja mais notícias sobre GastronomiaAcre.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 01 Fevereiro 2023

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/