Manaus 30º • Nublado
Quarta, 01 Fevereiro 2023

Amazônia Legal conta com apenas 24 cachaçarias registradas, mostra Anuário da Cachaça

O número de municípios brasileiros com pelo menos uma cachaçaria registrada cresceu no ano passado, segundo o Anuário da Cachaça 2021, divulgado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Segundo o levantamento, a quantidade de municípios passou de 586, em 2020, para 611 em 2021.

A Região Sudeste domina a produção de cachaça, com 620 cachaçarias que representam 66,2% do total no país, e, seguindo o cenário contrário, na Região Norte o número é bem pequeno: apenas nove estabelecimentos registrados. O número só aumenta quando se leva em consideração a Amazônia Legal: dos nove Estados, sete possuem registros e o número de cachaçarias sobe para 24.

Foto: Reprodução/Anuário da Cachaça

As unidades da Federação na região que se mantiveram com o mesmo número de cachaçarias foram: Acre (1), Amazonas (1) e Rondônia (1). Amapá e Roraima não apresentaram registros de estabelecimentos de cachaça.

Da região, destaca-se a contribuição do Pará, que foi o Estado com maior aumento relativo em número de estabelecimentos - a abertura de duas novas fábricas representou um aumento 66,7% em relação ao ano anterior.

Em relação aos municípios, destacam-se também Acrelândia (AC), Rio Preto da Eva (AM) e Porto Nacional (TO), que abrigam a única cachaçaria registrada nas suas respectivas Unidades da Federação.

Para o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Marcos Montes, o anuário é importante para ajudar a estruturar a cadeia da bebida. "Essa cadeia, que é tão antiga, carecia de uma estruturação. Não há setor que avance se não houver uma organização", disse. Ele também destacou a importância de ampliar o reconhecimento internacional da cachaça. 

A exportação brasileira de cachaça cresceu 29,5% no volume exportado, 7.221.219 litros, e 38,4% no montante de exportações, US$ 13.178.050, em relação ao ano anterior. Em 2021, a cachaça foi exportada para 67 países, sendo o Paraguai e a Alemanha os principais destinos.

A cachaça é um produto típico brasileiro, por isso não há importação deste produto. Confira o anuário na íntegra:

Veja mais notícias sobre Gastronomia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 01 Fevereiro 2023

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/