Casal rondoniense constrói restaurante à margem de lago cercado por jacarés

Com 71 anos, Eduardo realizou o sonho da esposa no dia do aniversário dela. Casal se conheceu na Resex do Lago do Cuniã e está junto há mais de 50 anos.

Domingas Lopes sempre desejou ter um restaurante dentro da Reserva Extrativista (Resex) Lago do Cuniã, na região do Baixo Madeira, em Porto Velho (RO), mas jamais imaginou que isso seria possível.

Há cerca de um ano, seu marido realizou esse sonho ao inaugurar o restaurante, localizado às margens do lago repleto de jacarés, no dia do aniversário dela.

“Com muito trabalho e esforço, eu estou realizando seu sonho. Esse restaurante é seu. Eu sou apaixonada pela minha esposa e faço tudo por ela”,

relatou Eduardo. 

Restaurante de Domingas foi construído á margem do Lago do Cuniã. Foto: Emily Costa/g1 Rondônia

Domingas possui algo único: o amor pela culinária regional. Ela se dedica em preparar pratos feitos com carne de jacaré dentro da comunidade Silva Lopes no Cuniã, local onde fica o único frigorífico do país com liberação para manejo de jacarés em área de reserva. 
Eduardo realizou o sonho da esposa Domingas de ter o próprio restaurante ás margens do Lago do Cúnia. Foto: Emily Costa/g1 Rondônia

Sonho distante 

Domingas Lopes, de 62 anos, e Eduardo Lopes, de 72 anos, nasceram dentro da Reserva. O casal se conheceu na região e estão juntos há mais de 50 anos.

Eduardo conta que na época que conheceu a esposa, ela era uma pessoa bem ‘difícil’ de conquistar, mas como todo brasileiro, persistiu. Domingas, que havia se mudado para Porto Velho, em uma de suas visitas à família na reserva, se apaixonou por Eduardo e resolveu ficar.

Apesar de cozinhar há mais de duas décadas, a senhora começou a se dedicar à culinária regional nos últimos cinco anos. Seu sonho sempre foi se tornar ‘chef de cozinha’ e ter um restaurante às margens do Lago do Cuniã, dentro da reserva. 

Domingas é cozinheira há mais duas décadas mas nos últimos 5 anos começou a se dedicar á culinária regional. Foto: Emily Costa/g1 Rondônia

O marido, ao ouvir diariamente os sonhos da esposa à beira do lago, decidiu preparar uma surpresa. Eduardo se planejou e economizou dinheiro por um tempo. O restaurante foi construído de acordo com os desejos de Domingas, com uma vista privilegiada e nas cores favoritas dela. 

“Todo mundo se admirava em ver eu carregando madeira. Meus filhos até falavam que eu ia não aguentar trabalhar. Mas eu precisava realizar o sonho da minha esposa”,

explicou Eduardo.

Marido construiu restaurante de acordo com os desejos da esposa e nas cores favoritas dela. Foto: Emily Costa/g1 Rondônia

O sabor da região 

Em setembro de 2022, o restaurante foi oficialmente inaugurado em uma celebração que aconteceu no dia do aniversário da chef de cozinha. Domingas se emociona ao relembrar dessa data tão importante em sua vida e expressa profunda gratidão ao marido pelo gesto.

“Eu tinha a esperança de realizar o meu sonho, mas não imaginava que viria do meu marido. Foi uma grande surpresa. Sou muito grata”,

conta.

Sonho de Domingas sempre foi se tornar chef de cozinha e ter um restaurante às margens do Lago do Cuniã, dentro da reserva. Foto: Emily Costa/g1 Rondônia

O restaurante foi nomeado pela cozinheira como ‘Sabor da Região’ e as especialidades da casa são pratos feitos com carnes de jacaré (em tira e frito ao molho), galinha caipira (cozida) e peixes nativos (assado e frito). 

Pratos regionais servidos no restaurante da chef de cozinha dentro da Reserva. Foto: Emily Costa/g1 Rondônia

As iguarias são vendidas no estilo self-service e os temperos são o amor, carinho e um segredo guardado a sete chaves pela chef de cozinha. 

“Hoje eu me sinto feliz de estar trabalhando no meu restaurante aqui no Lago do Cuniã. Não pretendo sair daqui nunca”,

relata, emocionada.

Vista do restaurante para o Lago. Foto: Emily Costa/g1 Rondônia

*Por Emily Costa, do g1 Rondônia

Essa reportagem faz parte da série “Vivendo da floresta” do g1 Rondônia, que conta as histórias de moradores que vivem dentro da Reserva Extrativista Lago do Cuniã, em Porto Velho.


Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

Plano Nacional de Mineração 2030: geologia, mineração, transformação mineral

O Brasil, salienta o Plano, é um importante produtor mundial de minérios; contudo, seu consumo per capita encontra-se entre 15% e 30% dos países que já lograram atingir níveis mais elevados de desenvolvimento.

Leia também

Publicidade