Manaus 30º • Nublado
Segunda, 05 Dezembro 2022

O que fazer em Soure/Marajó em 1 dia

Entre praias, nascer do sol fantástico com direito a visitação de um farol, provar do queijo de búfala, conhecer um pouco sobre a artesania marajoara, conhecer um projeto de ação social, se refrescar em algumas praias e ainda nadar com búfalos, imagina aí, tudo isso em um dia, e tudo isso em Marajó!

Visitei a ilha de Marajó e fiquei apaixonado pela região de Soure, fui recepcionado pela equipe da rede de turismo Viva Marajó. Chegamos num dia à noite, e já nos hospedamos no Hotel mais top de lá, o Hotel Marajó.

Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

A Ilha de Marajó é uma ilha costeira do tipo fluviomarítima situada na Área de Proteção Ambiental do arquipélago do Marajó, no estado do Pará, no Brasil. A ilha de Marajó está separada do continente pelo delta do Amazonas, pelo complexo estuário do rio Pará e pela baía do Marajó.

E nos próximos dias estarei postando fotos e vídeos sobre os seguintes temas:
-O que fazer;
-Como e com quem ir;
-Como conhecer a ilha e com quem;
-Onde se hospedar; e etc

Então fica ligado, pois trarei muitíssimas informações sobre esse lugar lindo e pertinho de Belém, no Estado do Pará.

Quando cheguei em Marajó, conheci uma cidade linda, chamada Soure, que tem uma rede de turismo fantástica, o @viva_marajo que nos levou a conhecer a cidade de uma forma inesquecível, deixando gostinho de quero mais.

Cheguei em Soure no final de tarde, deu apenas para fazer umas fotos na orla e correr para o Hotel Marajó, com a equipe da Scafi. Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Soure, além de farol, praias, fazenda de búfalos, mangue, o conhecido Turú, a cerâmica marajoara, o leite, queijo e sorvete feito com o leite de búfala, tem uma cultura linda, um povo receptivo, alegre e disposto a mostrar de braços abertos as belezas da região.

Para chegar a Marajo, você chega em Belém e pega um barco no terminal hidroviário de Belém, que tem duas empresas que fazem a travessia, uma que sai pela manhã por volta das 8h15 e 8h40 e custa em média R$ 48,00, e a que sai no período da tarde, e custa em média R$ 35,00.

Recomendação sobre hospedagem, traslado e guiamento

Vale lembrar que você pode solicitar a compra das passagens de volta de Marajó para Belém com a equipe do @edgar_turismo_marajo.

Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Antes de viajar para uma determinada região, sempre entro em contato com alguma empresa de turismo, ou condutores locais para saber sobre a região, além das pesquisas que já faço pela internet, e em Marajó, fui extremamente bem atendido pela equipe da @scafi_turismo, que nos deram todas as dicas da região, e prepararam um roteiro fantástico do que iria fazer, desde o primeiro momento que chegasse na cidade de Soure, em Marajó.

Chegando em Marajó, fomos recebidos pela equipe da @edgar_turismo_marajo que nos buscou no porto de Salvaterra, e nos levou até Soure, além de já terem providenciado as passagens de retorno para Belém, é aconselhável que compre assim que chegar em Soure ou Salvaterra, a passagem de volta. E a equipe do @edgar_turismo_marajo já havia providenciado conforme havíamos solicitado antecipadamente.

Do porto de Salvaterra, nos levou em uma de suas condições pela ilha de Marajó, seja em microônibus ou van, até a ponta da travessia que liga Salvaterra a Soure.

A equipe da Edgar Transporte e Turismo sempre prontos para atender. Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Do outro lado, a equipe da @scafi_turismo já nos aguardava para levar até o @hotelmarajo.soure, onde iríamos deixar nossas bagagens, tomar aquele banho e descansar, pois no outro dia, logo cedo, sairíamos para filmar o farol de Soure. Para ter seu receptivo completo na ilha de Marajó, entre em contato com a equipe da Scafi Turismo, falando com a Andreia pelo fone/whatsapp: 91 98138-2102.

Então galera, segue essa recomendação que vai dar super certo em sua viagem por Marajó: Equipe de transporte, tanto para transladar pela ilha, quanto para comprar sua passagem de volta para Belém, fale com a equipe da @edgar_turismo_marajo

A equipe da Scafi Turismo que me levou até o Hotel Marajó e fomos logo trocando de presentes. Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Já sobre passeios por Marajó, não tem outra equipe tão excelente e que conheça tão bem a região quanto a equipe da @scafi_turismo, só me levou a lugares lindos!

Área de entrada do Hotel Marajó. Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip
Área da piscina com vários ambientes para um delicioso café da manhã e até mesmo uma janta sensacional. Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

E para descansar/relaxar/comer aquela janta deliciosa, feita com carne de búfalo e queijo de búfala, com certeza é no @hotelmarajo.soure. Além de terem vários quartos super aconchegantes, tem uma piscina gostosa e o mais bacana, utilizam energia solar como energia limpa/sustentável.

Ressaltando os contatos para hospedagem no Hotel Marajó:
Site: https://hotelmarajosoure.com.br/
Fone/Whatsapp: (91) 3741-1396
Facebook: https://www.facebook.com/HotelMarajo

Camas e quartos super confortáveis. Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Vale ressaltar que todos tomam todos os cuidados devidos com relação à pandemia, desde a sua chegada até seu retorno.

O que fazer em Soure

Farol de Soure

Farol de Soure com o nascer do sol ao fundo. Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

O fotogênico farol listrado em vermelho e branco pode ser visto desde Salvaterra. Ele fica na praia do Mata-Fome, mas o acesso é feito por outro caminho que segue a Rua Nona e passa por uma trilha curta, que dependendo da maré pode estar alagada. (Dicas by: https://viajeibonito.com.br/ilha-de-marajo/)

E o dia nasceu assim, meio que rosado e depois foi ficando amarelado. Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Saímos cedinho e conseguimos capturar o sol ao nascer, e conseguir lindas imagens próximas ao farol de Soure, em Marajó, um lugar fantástico para visitar a qualquer hora do dia inclusive para observar as estrelas.

Nosso passeio foi saindo por volta das 4h30 da manhã do @hotelmarajo.soure com a equipe da @scafi_turismo, que nos levou para poder apreciar um nascer do sol único no mundo!

Então, indo a Marajó, já sabe, não deixe de visitar o farol de Soure, e peça pra fazer esse passeio bem no nascer do sol, vc vai se arrepiar com as cenas!

Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Fazenda São Jerônimo 

Em Soure, Marajó, está localizada a Fazenda São Jerônimo, na estrada do Pesqueiro, KM 03.

Nado com búfalos atravessando o rio que encontra com o mar em Soure. Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Em 2001 a fazenda foi palco do antigo programa da Globo, No Limite, onde a equipe de produção ficou por lá durante dois meses produzindo o programa e ali também foi gravada a novela, Amor eterno amor. E com isso a fazenda ganhou grande visibilidade, assim como toda a região de Marajó.

A fazenda já ganhou diversos prêmios como melhor roteiro turístico do Brasil.

Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip
Travessia de barco até chegar a área onde tem a travessia com os búfalos. Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

As formas de andar pela fazenda são, a pé, montado no búfalo e também há parte do trajeto por barco.

Além de conhecer a região e seus biomas, andamos por trilhas suspensas sobre mangue, numa área que também já foi palco de apresentações culturais.

Ao final da travessia pela trilha suspensa, chegamos numa praia extremamente paradisíaca, que é banhada, dependendo do período do ano, pelo mar, ou pelo rio.

Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Há também a travessia entre o furo do rio que desemboca no mar com o nado dos búfalos.

A fazenda também é produtora de carne e queijo de búfala.

Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Todo o passeio é fantástico e fica a dica, separe um dos dias que irá ficar em Soure para conhecer a Fazenda São Jerônimo.

Telefone: (91) 981034903/ (91) 37412093
E-mail:

Praia da Barra Velha 

Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

E seguindo por nossa viagem por Soure em Marajó, no período da tarde visitamos a Praia da Barra Velha e o Mundo Místico dos Caruanas, foram duas experiências fantásticas.

Após sairmos da Fazenda São Jerônimo, bateu aquela fominha e corremos para almoçar numa praia lindíssima, que é a praia da Barra Velha, nunca havia conhecido um lugar como aquele. Seguimos para o restaurante Netuno, que, me chamou bastante a atenção, por conta de sua estrutura, toda na palha, e a equipe bem receptiva, um ambiente realmente agradável.

Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Com uma boa variedade de frutos do mar, aproveitamos, almoçamos e seguimos filmando pela praia da Barra Velha. O diferencial ali é que existem lugares rasos, como lagoas, onde os pais podem deixar seus filhos tranquilamente.

Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

 E outra coisa que mais achei interessante era a turma andando com os búfalos, como se fossem cachorros ou gatos, e bem mansinhos.

Bom, saindo da Praia da Barra Velha, seguimos para conhecer o Mundo Místico de Caruana.

Visita ao mundo místico dos Caruanas

Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Ao chegar no centro místico, pudemos ver as obras que são produzidas ali, conhecer um pouco da estrutura e saber o quão relevante é o centro para a região, seja para a educação das crianças, quanto para o apoio de treinamentos para a sociedade.

Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Além de trabalharem na essência dos materiais marajoaras, não deixando a história que remete aos povos que ali passaram e que deixaram sua arte e cultura para todos nós.

Então, já sabe, indo a Soure, não deixe de conhecer estes dois lugares, seja à praia da Barra Velha para degustar das delícias dali e aproveitar para se jogar na água gostosa, ou passar no Mundo Místico de Caruanas, para conhecer e se admirar com o lugar e até mesmo comprar uma lembrancinha original marajoara.

Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Nossos agradecimentos 

Foram um dia e duas noites neste lugar fantástico, e o que posso dizer, valeu cada segundo ali, cada equipe que nos atendeu foram simplesmente perfeitos, grato demais! Ah, Sobre Soure, uma coisa a mais a relatar, você com toda certeza irá se apaixonar pelo lugar!

Foto: Gildo Júnior/Bora de Trip

Tem vídeo em nosso canal do youtube, Youtube.com/BoradeTrip, tem dois vídeos de Marajó, um contando um pouco das experiências e outro só com imagens da região, seguem abaixo. 

Sobre o autor

Gildo Júnior é fotógrafo, videomaker, aventureiro, colunista, articulista e colecionador de roteiros. Para o servidor público federal, o mundo é imenso, repleto de lugares para conhecer, de coisas para fazer, de culturas para admirar, comidas para provar e pessoas para conhecer, por isso afirma que "por mais que o mundo gire, a única coisa que não posso fazer é ficar parado".

*O conteúdo é de responsabilidade do colunista 


Veja mais notícias sobre Bora de Trip.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Segunda, 05 Dezembro 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/