Manaus 30º • Nublado
Domingo, 14 Abril 2024

Projeto do governo cria Plano Regional de Desenvolvimento da Amazônia

O Projeto de Lei 5787/23 cria o Plano Regional de Desenvolvimento da Amazônia (PRDA) para o período de 2024 a 2027. O texto, de autoria do Poder Executivo, será analisado pela Câmara dos Deputados. Elaborado pela Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam), a iniciativa tem como foco a redução de desigualdades regionais por meio da integração e diversificação produtiva da biodiversidade, com agregação de valor.

A ideia é que a proposta esteja alinhada com a Política Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR), bem como ao Plano Plurianual (PPA) para o período de 2024 a 2027.

Em justificativa, o governo ressalta que o plano tem como objetivo "alcançar o crescimento econômico sustentado e a geração de empregos, com foco no ganho de produtividade, na eficiência alocativa e na recuperação do equilíbrio fiscal".

População ribeirinha na ilha de Marajó. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O plano, que será aplicado em parceria com Estados e municípios e articulação com diversos ministérios, deverá abranger a área de atuação da Sudam: Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins e parte do Maranhão.

O financiamento será por recursos da União, de estados amazônicos, do Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO), entre outras fontes nacionais e internacionais.

Pela proposta, o PRDA vai se basear nos seguintes eixos:


  • desenvolvimento produtivo;
  • pesquisa, inovação e educação;
  • infraestrutura econômica e urbana;
  • meio ambiente;
  • fortalecimento da gestão e governança pública;
  • desenvolvimento social e acesso a serviços públicos essenciais.


O texto será distribuído para análise das comissões da Câmara. Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei AQUI.

Veja mais notícias sobre AmazôniaEconomiaPolítica.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 14 Abril 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/