Manaus 30º • Nublado
Terça, 31 Janeiro 2023

Libertadores 2022: "Ele não é respeitado como merece", diz Gilberto Silva sobre Felipão, técnico do Athletico Paranaense

A carreira de Luiz Felipe Scolari, o Felipão, é marcada por altos e baixos. Se em 2002 ele levantou a taça de campeão do mundo em Yokohama, no Japão, em 2014, ele liderou a seleção brasileira na dura derrota contra a Alemanha naquele histórico 7x1. "Falaram que o Felipão estava acabado", disse Gilberto Silva em entrevista ao SitedeApostas.com. O volante da seleção pentacampeã acredita que, após 2014, Felipão não é respeitado como merece no Brasil, mas que essa também é a realidade de outros grandes nomes do futebol brasileiro.

"(Após a Copa do Mundo de 2014) Muita gente o julgou, falaram que o Felipão estava acabado. Muita gente bateu forte, mas hoje ele mostra mais uma vez que consegue absorver todo o impacto da pressão e continuar fazendo o que ele acredita", opinou Gilberto Silva, que hoje atua como agente de futebol.

Foto: CBF

Sobre a final da Libertadores entre Athletico Paranaense e Flamengo, que acontece no dia 29 de outubro em Guayaquil, no Equador, às 16h (horário de Brasília), Gilberto Silva diz que estará torcendo pelo seu ex-técnico, "vou estar torcendo muito para ele. Ele construiu uma vida toda no futebol, no momento em que as coisas não dão certo, ele tira um aprendizado e vai se ajustando".

Há cinco temporadas, o Athletico Paranaense vem despontando no cenário brasileiro e sul-americano. Em 2019, o time do Paraná ganhou a Copa do Brasil e, em 2018 e 2021, levantou a taça da Copa Sul-Americana. Neste ano, Felipão liderou o Athletico Paranaense à final da Libertadores, o que não acontecia há 17 anos.

Para Gilberto Silva, a diferença financeira e de elenco entre o time de Felipão e o Flamengo podem pesar na final. "Se você for comparar um elenco com outro, a disparidade é muito grande. O lado econômico também pesa, e os resultados obtidos pelos clubes nos últimos anos. Mas o Athletico com muito menos recurso econômico tem feito algo realmente impressionante", pondera o ex-jogador e finaliza dizendo: "Felipão se adaptou ao elenco que tem hoje e encontrou um novo caminho. Espero que ele continue tendo sucesso no Athletico e que, acima de tudo, seja um grande jogo. É uma final entre dois grandes clubes brasileiros, mas com certeza vou estar torcendo para que ele tenha êxito". 

Veja mais notícias sobre Notícias.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 31 Janeiro 2023

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/