Manaus 30º • Nublado
Quarta, 28 Fevereiro 2024

Marinha do Brasil reforça atuação no Mato Grosso com ativação da Agência Flutuante "Piquiri"

A Marinha do Brasil (MB) reforça, a partir deste mês, a atuação da Autoridade Marítima Brasileira nos rios do Estado de Mato Grosso, com a ativação da Agência Escola Flutuante "Piquiri". Tendo a bordo uma sala de aula com capacidade para 20 alunos, a nova embarcação terá como principal missão levar cursos profissionalizantes de formação e capacitação de aquaviários para as comunidades ribeirinhas mais afastadas do estado, atendendo a uma população de cerca de 140 mil pessoas nos municípios de Cáceres, Poconé, Barão de Melgaço e Santo Antônio do Leverger.

Foto: Reprodução/Agência da Marinha

Para o Comandante do 6º Distrito Naval, Vice-Almirante Iunis Távora Said, a capacitação de novos aquaviários contribuirá para a segurança da navegação, salvaguarda da vida humana e para a prevenção da poluição hídrica oriunda de embarcações. 

"A Marinha vem acompanhando o franco desenvolvimento da região, para o qual as atividades de transporte fluvial de bens, o turismo náutico e a pesca esportiva, entre outras, são de grande importância. Face à complexidade da atividade aquaviária, cada vez mais intensa, exigindo rígidos padrões de qualificação profissional, surgiu a necessidade de possuirmos condições de levar os bancos escolares do Ensino Profissional Marítimo a moradores com dificuldade de acesso às áreas urbanas e onde as pessoas necessitam transitar nos rios e lagos para realizar suas atividades cotidianas",

acrescentou o Almirante Said.
Descerramento da placa de ativação da nova embarcação. Foto: CB-MR Cristiano/Marinha do Brasil 
Subordinada à Agência Fluvial de Cáceres, a "Piquiri" realizará, também, ações de desobstrução de vias navegáveis, apoio a ações de fiscalização, de segurança do tráfego aquaviário, de socorro aos navegantes e suporte às atividades de combate a incêndios florestais, de saúde e de educação de Mato Grosso.

A embarcação foi ativada no dia 1º de fevereiro, em cerimônia realizada em Várzea Grande (MT), com a presença de autoridades militares e civis da região. Na ocasião, o Senador Wellington Fagundes ressaltou a importância da ativação. "A presença da Marinha na nossa região e a ativação da embarcação reforça a importância de discutirmos ações conjuntas voltadas à preservação do Pantanal no estado e ao apoio a populações ribeirinhas." 

Histórico

A Agência Escola Flutuante "Piquiri" iniciou sua história na MB em 30 de maio de 2023, quando a Força celebrou o acordo de doação da embarcação com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte, iniciando o período de reforma e adequação.

Em 24 de janeiro deste ano, a "Piquiri" deixou o Complexo Naval de Ladário com destino à cidade de Cáceres (MT), onde ficará sediada e de onde navegará pelos rios Paraguai, Cuiabá e seus principais afluentes: o Jauru, o Piquiri e o São Lourenço. Ela possui uma tripulação de nove militares e teve seu nome inspirado no "rio Piquiri", que em Tupi antigo significa "rio dos peixes miúdos". 

*O conteúdo foi originalmente publicado pela Agência Marinha de Notícias

Veja mais notícias sobre EducaçãoMato Grosso.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quinta, 29 Fevereiro 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/