Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Sexta, 30 Outubro 2020

Com estrutura física comprometida, igreja de São Sebastião em Manaus lança campanha para arrecadar fundos

Igreja_de_Sao_Sebastiao_Manaus
Fé. É isso que movimenta as ações religiosas em prol do restauro da Igreja de São Sebastião, em Manaus. Com 132 anos de história ao lado do imponente Teatro Amazonas, os dias mais recentes tem sido difíceis para quem vê a obra no estilo neogótico se deteriorando com o tempo.


"Essa situação da igreja não é de agora. Temos chamado atenção dos órgãos competentes, poder público, parceiros e fiéis de que nossa estrutura precisa de reparo. Temos rachaduras na torre onde fica o sino, faltam reparos também nos vitrais, telhado e artes", conta Frei Paulo Xavier, pároco da igreja.

Igreja de São Sebastião. (Foto:Salles Neto - Acervo Pessoal)

Inaugurada em 1888, a igreja faz parte do conjunto arquitetônico do Largo de São Sebastião, centro de Manaus e além de turística, a igreja guarda parte da história de fé dos amazonenses e a mais de 20 anos não recebe reparos.


Em 2019, o Conselho Regional de Engenharia do Amazonas (CREA-AM) divulgou um laudo em que revelava os problemas estruturais da igreja, principalmente na torre, onde a vibração dos badalar dos sinos, tendem a comprometer ainda mais a estrutura do templo.

"Temos laudo do CREA-AM e do Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) de que temos uma situação delicada, mas em relação aos sinos, que continua batendo, também temos a liberação em laudo para a continuidade das badaladas e o mantemos, sem prejudicar o referencial de fé religioso que é um sinal para oração e convite para a vida em comunidade", ressalta Frei Xavier.

Campanha "Santa Ajuda". (Foto:Divulgação)

Restauro


O professor e artista plástico Otoni Mesquita, que é um dos estudiosos da arquitetura de Manaus no período da Belle Époque, lembra que a igreja de São Sebastião é parte da história e memória dos amazonenses.



"Ela realmente tem alguns elementos neogóticos, mas no todo é bastante eclética, como toda arquitetura da época. O ecletismo predomina e corresponde ao pensamento da época", pondera.



Segundo o Frei, um dos orçamentos para os reparos na igreja, chega a R$ 1,2 milhão, justificados pela falta de mão de obra especializada local e pela complexidade dos restauros.



"A questão é característica, temos uma igreja com estilo gótico neoclássico, do século XIX, o quê nos demanda uma situação mais especifica com as artes, telas, pinturas, telhado, torre. Todas as situações aqui são específicas, cada ponto chama atenção para verificarmos e não é de qualquer jeito. Precisamos de profissionais, de técnica, de qualidade e de respeito para esse trabalho e os orçamentos de reparos ultrapassam 1 milhão", conta o Frei.



Com uma receita pequena de entrada por mês, os valores arrecadados com dízimos, ofertas e doações ainda não conseguem os recursos para o início das obras.



"Nossas entradas são baixas, não temos como juntar esses dinheiro para a manutenção. Temos, além das nossas despesas básicas como água e luz, os custos com as doações que fazemos à comunidade. Recebemos dinheiro em emendas parlamentares, mas ainda não suprem nossa necessidade para os reparos", pondera.



Campanha


Pela urgente necessidade do reparo, a igreja começa, neste domingo (30), a Campanha batizada de "Santa Ajuda", que tem a finalidade de arrecadar recursos para a obra. E a iniciativa vai estimular os fiéis e a comunidade em geral para que adquira um bilhete e participe de sorteios.



No lançamento, um fusca de 1961, todo restaurado, que foi doado pelo advogado Átila Denys, será o prêmio inicial.



"Sou católico praticante e sempre ajudei a arquidiocese. Minha ideia era de levar o fusca para São Paulo e utilizá-lo por lá, mas não consegui concretizar e em conversa com o Frei Paulo, decidi ajudar nesse processo de restauro e manutenção da igreja. Então, doei o fusca e que conseguimos atrair o máximo possível de participantes", conta.



O valor de mercado do fusca, segundo Átila, pode chegar a R$ 100 mil.



"O valor varia de R$ 25 mil a R$ 100 mil, encontrando o comprador certo", disse o advogado.



Doações



Além do fusca, Frei Xavier ressalta que outras coisas serão bem vindas para serem sorteadas.



"Nossa 'Santa Ajuda' só vai parar quando conseguirmos o valor do reparo da igreja, por isso, convocamos todos que queiram e possam ajudar com algo para ser doado. Ofertas especiais também podem ser deixadas em nossa igreja, durante as missas", disse o Frei.




As missas acontecem todos os dias, nos horários das 6h, 12h e 18h, e seguem os protocolos de segurança orientado pelos órgãos de saúde. Aos domingos, são mais dois horários, as 8h e 16h.




As doações de algo e as rifas, para participar do sorteio, que poderão ser adquiridas pelo valor de R$ 25, podem ser solicitadas pessoalmente na secretaria da igreja e outras paróquias parceiras, ou ainda pelos telefones: (92) 99474-8844 (WhatsApp) e (92) 3232-4572 ou pelo e-mail: [email protected]



Veja mais notícias sobre CidadesNotícias.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 30 Outubro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/