Manaus 30º • Nublado
Quinta, 18 Abril 2024

Dia Mundial Sem Carro incentiva uma vida saudável em Manaus

Dia Mundial Sem Carro incentiva uma vida saudável em Manaus

Nesta sexta-feira, (22), é comemorado o Dia Mundial Sem Carro. A data porém, tem o objetivo de promover uma reflexão, algo bem maior do que apenas deixar o carro parado em casa por um dia, de acordo com a coordenadora do grupo Pedala Manaus, Nádia Aguiar. Em Manaus existem 718.892 mil veículos circulando todos os dias o que compromete a mobilidade urbana. Ir de bicicleta, à pé e de transporte coletivo são alternativas para deixar o carro em casa, a iniciativa além de influenciar positivamente a mobilidade urbana e o meio ambiente, ainda pode representar benefícios para a saúde. 

“Uma cidade que não pensa na mobilidade urbana, do ponto de vista de acesso das pessoas é uma cidade doente. Hoje nós não temos mais acesso à cidade, Manaus está totalmente inóspita, ela afasta as pessoas dela. Atualmente não há mais espaços nas calçadas, nas ruas, não há arborização, e com isso as pessoas não têm incentivo para caminhar, pedalar e todos optam por andar de carro, e  isso traz uma série de prejuízos ao meio ambiente, a saúde e aobem-estar de toda uma uma população”, disse Nádia.

Segundo o diretor presidente do Manaustrans, Franklin Pinto, as pessoas precisam refletir sobre o tema. “Neste dia, orientamos as pessoas a refletir na busca por novas opções de deslocamento. Pode ser um percurso a pé, uma carona, ondemais pessoas dividem um mesmo veículo; utilizar o transporte coletivo ou usar a bicicleta, um veículo não poluente e que proporciona saúde para quem pedala. Não trata-se apenas de uma data comemorativa. É o momento de refletir sobre a forma de contribuir para a melhor qualidade de vida de todos , no planeta”. 

Mas existem pessoas que já se preocupam com essas questões, como os estudantes Saulo Fernando, 23 e Nalda Curintima, 22, que trabalham e estudam no mesmo local, com isso os amigos que possuem carro, decidiram optar por deixar um dos veículos em casa. “Eu venho da Compensa e para ir até o trabalho acabo passando pela casa do Saulo, depois saímos do trabalho e vamos para a faculdade, a mesma por sinal, por isso decidimos economizar, pois antes saia bem mais caro para nós dois fazermos todo dia esse percurso, agora dividimos a gasolina, um dirige quando o outro está meio estressado e na volta ele vai de ônibus, assim a gente se ajuda e ajuda o meio ambiente”, contou Nalda.

Foto: Reprodução/Shutterstock

Para Saulo Fernando, a carona veio em boa hora. “No começo foi estranho deixar o carro em casa, andar de ônibus pra voltar, mas agora já me acostumei, estou achando até legal. Antes eu tinha uma despesa muito alta para abastecer o carro, era cerca de R$ 300 por semana, no final do mês todo o salário ficava basicamente só para gasolina. Agora nós dois dividimos a despesa e gastamos menos da metade do que utilizávamos por semana, um alívio porque agora posso investir em outras coisas e não só em transporte, sem contar que ficar procurando vagas para estacionar era algo que me deixava completamente irritado”, disse.

Outra opção barata para facilitar a mobilidade, são os serviços de táxis compartilhado, aplicativos como Uber e Yet Go, que estão fazendo o maior sucesso, não só pela tecnologia implementada, como pelo valor cobrado.

Um serviço que chegou em Manaus para incentivar as pessoas a pedalar é o Manôbike, um sistema de bicicletas compartilhadas composto por estações inteligentes, distribuídas em diferentes pontos da cidade. O usuário pode retirar a Bicicleta na Estação através do aplicativo baixado em seu smartphone, devolvendo em qualquer Estação após o uso. Este Sistema visa oferecer a cidade de Manaus uma opção de transporte sustentável, saudável e não poluente. 

O Manôbike é um projeto da Prefeitura de Manaus, operado pela empresa Tembici, com o patrocínio do Hapvida. As Estações são alimentadas por energia solar e conectadas a uma central via wireless, o que permite fazer o monitoramento em tempo real das Bicicletas e Estações.

A pessoa também pode acompanhar esse status e ficar sabendo exatamente onde tem Estações/Bicicletas e/ou vagas disponíveis, por meio do site ou aplicativo do Projeto. 

Economia
A data gera reflexão sobre o uso excessivo de automóveis e alternativas de locomoção. Além de trazer benefícios ao meio ambiente, diminuir o uso dos veículos também gera economia.

“Essa data é muito importante para o meio ambiente e para a reflexão sobre os hábitos, já que as pessoas veem que é possível viver sem carro por um ou até mesmo por vários dias da semana. E uma das consequências disto é a redução de custos”, lembra Reinaldo Domingos, do canal Dinheiro à Vista.

O custo de manter um carro não se resume apenas mao combustível. Itens básicos são prestações, seguro, manutenção, IPVA, licenciamento, lavagens e até mesmo possíveis multas. “A despesa chega, em média, a 2% do valor do carro”, afirma Reinaldo Domingos. “A manutenção de um veículo de R$ 20 mil, por exemplo, tem um custo aproximado de R$ 400/mês”, calcula.

Em Manaus

Para comemorar a data a Prefeitura de Manaus irá realizar duas atividades: uma palestra para crianças e adultos do Centro Comunitário de Assistência Social da Legião da Boa Vontade sobre comportamento seguro no trânsito, na av. Castelo Branco, 997, Cachoeirinha (entre Rondobrás e Rei do Churrasco), a partir das 9h. E um passeio ciclístico com apoio de vários grupos de pedais, no período noturno, que sairá do bairro do Parque 10 com destino à Praça de Alimentação do Parque das Laranjeiras, a partir das 20h.

O objetivo, segundo o diretor presidente do Manaustrans, é estimular a discussão e o debate de um problema presente na maioria das cidades e cada vez mais aproximar o tema da população, estreitar relações com o poder público para construção de uma agenda única que paute a problemática e permita a participação popular através de instituições organizadas nas ações e decisões que impliquem na melhoria das condições de quem precisa se deslocar diariamente pela cidade de forma mais rápida, segura, confortável e não poluente.

As atividades são coordenadas pelo Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans ) e fazem parte da programação da Semana Nacional de Trânsito deste ano, com o tema “Minha Escolha faz a Diferença no Trânsito”.
O grupo de voluntários do Greenpeace em Manaus, promove o Vaga Viva, que consiste em uma ocupação temporária de algumas vagas de estacionamento de carros, transformando-as em área de convivência, de lazer e área verde.

O objetivo é provocar uma reflexão sobre o uso atual do espaço urbano, cada vez mais dedicado aos automóveis, em forma de avenidas, viadutos, estacionamentos, entre outros. A ação será realizada na na avenida Joaquim Nabuco, 2367 - Centro, em frente ao escritório do Greenpeace, das 9h às 18h.

Veja mais notícias sobre Cidades.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quinta, 18 Abril 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/