Manaus 30º • Nublado
Terça, 07 Dezembro 2021

Bombeiros do Amazonas atuam em missão humanitária em Moçambique

Bombeiros do Amazonas atuam em missão humanitária em Moçambique
Dois bombeiros do Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBM-AM) foram enviados na semana passada para uma Missão de Ajuda Humanitária em Moçambique. O 2º Sargento BM Samuel Souza da Silva e o Cabo BM Marcus Vinícius Chaves de Freitas atuam no país africano, atingido por um ciclone em março deste ano.

Destacado desde o dia 29 de março para o país africano, o 2º Sargento Samuel conta a sua experiência na missão no continente africano.
Foto: Divulgação/CBMAM
"Viemos para realizar busca, salvamento e resgate de vítimas da catástrofe, mas também estamos trabalhando com a distribuição de remédios, alimentos e construção de abrigos temporários para as famílias atingidas. Muitas estradas ainda estão intrafegáveis, há muitas árvores caídas. Estamos desobstruindo essas vias e auxiliando na construção de novas pontes", relatou o militar.

Outra missão dos militares é chegar a comunidades que estão sem acesso a suprimentos básicos.

“Existem comunidades cujo acesso é somente por via aérea. Nessas, estamos fazendo a distribuição dos remédios e realizando atendimento aos doentes e feridos. Muitos estão desabrigados e se refugiaram nos colégios e em outras estruturas que resistiram ao ciclone. Aqui, até a comunicação por telefone está complicada devido ao desastre”, disse o 2º Sargento BM Samuel.
Foto: Divulgação/CBMAM
Outras missões

O cabo BM Marcus Vinícius atuou nas operações de busca e resgate em Brumadinho (MG) e está a serviço do Governo Federal desde março de 2018. Já o 2º Sargento Samuel Souza da Silva acumula experiências em missões internacionais como Jogos Pan-americanos e Parapan-americanos Rio 2007, Copa das Confederações FIFA 2013, Copa do Mundo FIFA 2014, Olimpíadas e Paraolimpíadas Rio 2016.

Ciclone Idai

Segundo o último balanço do Instituto Nacional de Gestão de Calamidades de Moçambique (INGC), o número de mortos no país chega a 598. O ciclone atingiu a região central de Moçambique, além do Maláui e Zimbábue.

Veja mais notícias sobre Atualidades.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 07 Dezembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/