Acre apresenta redução de 84% nos alertas de desmatamento no mês de setembro

De acordo com o estudo, de 1º a 29 de setembro de 2023, o Acre registrou um acúmulo de 18,70 km², o que representa uma redução de 84% nos alertas.

Acre apresenta redução de 84% nos alertas de desmatamento no mês setembro. Foto: Alexandre Noronha/Sema AC

O Acre apresentou uma redução de 84% nos alertas de desmatamento emitidos no mês setembro de 2023, se comparado com o mesmo período do ano passado. Os dados, analisados pelo Centro Integrado de Geoprocessamento Ambiental (Cigma), órgão ligado à Secretaria do Meio Ambiente (Sema), são baseados no sistema de alertas Deter, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).


De acordo com o estudo, de 1º a 29 de setembro de 2023, o Acre registrou um acúmulo de 18,70 km², o que representa uma redução de 84% nos alertas de desmatamento emitidos, em comparação com o mesmo período de 2022, com 120,49 km².

Já em relação ao acumulado do ano, de 1º de janeiro a 15 de setembro de 2023, o estado teve uma redução nos alertas de desmatamento de 75% – 106,50 km² -, em comparação com o mesmo período de 2022 – 429,57 km².

A secretária Estado de Meio Ambiente, Julie Messias, falou que os dados positivos são um avanço, principalmente em relação a setembro, que é um mês considerado crítico. “Esses dados demonstram o esforço do governo do Acre, junto com os demais órgãos que estão nesse enfrentamento desde o início do ano, quando começamos a montar nossa estratégia diante dos ilícitos ambientais. Esse é o resultado da união de esforços e da conscientização da população. Nosso trabalho continua”, afirmou.

Além da Sema, a atuação conjunta conta com instituições como o Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac), Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), Batalhão de Policiamento Ambiental (BPA), Corpo de Bombeiros, Secretaria de Planejamento (Seplan), Casa Civil e outros. 

Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

Murucututu: “coruja de óculos” é considerada a maior espécie do gênero na Amazônia

A murucututu ocorre em todas florestas tropicais das américas, mas na Amazônia já se tornou até personagem de canção de ninar.

Leia também

Publicidade