Manaus 30º • Nublado
Quarta, 30 Novembro 2022

Educação comemora 200 anos da Independência do Brasil

WhatsApp-Image-2022-09-07-at-14.38.47

O Ato Cívico do Bicentenário da Independência do Brasil, na manhã deste 7 de setembro, reuniu mais de 500 pessoas no entorno da Casa de Rondon, monumento histórico onde nasceu a cidade de Vilhena (sul de Rondônia) há 112 anos.

A solenidade promovida pela Secretaria Municipal de Educação (SEMED) reuniu estudantes, professores, instituições civis e militares e autoridades. Houve apresentações de fanfarra do Colégio Cívico-Militar Almirante Tamandaré, plantios de ipês [árvore símbolo do Brasil] por representantes das escolas públicas municipais, hasteamento das bandeiras e evoluções do Tiro de Guerra e da Guarda Mirim. A SEMED também distribuiu cartilhas sobre a data.

Ao lado de várias autoridades, o prefeito Ronildo Macedo descerrou a placa em que ficou gravado o Marco da Independência do Brasil.

Protesto

Cerca de 40 enfermeiros atuantes em Vilhena aproveitaram o Ato Cívico de Sete de Setembro para promover um protesto pacífico. Vestindo preto e portando cartazes, os profissionais da saúde gritavam "Enfermagem, na rua, Barroso a culpa é sua".

O manifesto ocorre após o ministro do STF Luís Roberto Barroso ter suspendido o piso salarial da categoria, que havia sido aprovado pelo Congresso e sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro. De acordo com a lei, o piso salarial dos enfermeiros passaria a 4.750 reais, o de técnicos de enfermagem a 70% deste valor e o de auxiliares de enfermagem e parteiras, a 50% do patamar.

Indignação de enfermeiros durante Ato Cívico. Foto: Divulgação/Prefeitura de Vilhena

Sobre o autor

Às ordens em minhas redes sociais e no e-mail: . Todas às segundas-feiras no ar na Rádio CBN Amazônia às 13h20.

*O conteúdo é de responsabilidade do colunista

Veja mais notícias sobre JotaÓ escreve.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 30 Novembro 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/