Manaus 30º • Nublado
Terça, 31 Janeiro 2023

São Luís: há mais duas décadas cidade é considerada Patrimônio Mundial da Humanidade; FOTOS

02_av._beiramar_sao_luis_ma_foto_acervo_iphan

A capital do Estado do Maranhão, São Luís, faz parte de um grupo de sítios arqueológicos seleto no mundo, por conta de seus casarões coloniais e sua importância histórica preservada. Foi fundada em 8 de setembro de 1612, quando uma expedição francesa comandada pelo tenente-general francês Daniel de La Touche (Senhor de La Ravardière), juntamente com o apoio da rainha regente Maria de Médicis, reuniu-se para criar a "França Equinocial", que ficaria na região dos trópicos.

Em 1621, o Brasil foi dividido em duas unidades administrativas chamadas de 'Estado do Maranhão' e 'Estado do Brasil'. São Luís foi a capital da primeira unidade administrativa. A cidade é a única do país fundada por franceses e que, posteriormente, teve domínio português em 1615. 

Por conta de toda sua história e características, a capital maranhense (Estado que faz parte da Amazônia Legal) foi eleita pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) como Patrimônio Mundial da Humanidade, tendo como uma das principais atrações o centro histórico, tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em 1974. Título que foi concedido em 6 de dezembro de 1997 em Nápoles (Itália), há 25 anos.

Foto: Reprodução/Turismo São Luís

O centro histórico é formado por cerca de 1000 edificações, além de ruas, calçadas de pedras, fachadas azulejadas e casarões com características coloniais mantidas. São Luís, inclusive, tem a maior coleção de azulejos portugueses da América Latina.

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, a capital possui uma população estimada em 1.115.932 habitantes, sendo o município mais populoso do Estado e o quarto da Região Nordeste, com uma área de 831,7 km².

São Luís pertence à Ilha chamada Upaon-Açu, com uma área de 1.410,015 km². que faz parte do Arquipélago do Golfão Maranhense. O nome Upaon-Açu foi dado pelos Tremembés (Tupi-Guarani) e significa "ilha grande". Além disso, também foi chamada de ilha de São Luís.

As características gerais da cidade são remanescentes do século XVIII e XIX, época em que o Estado do Maranhão teve participação na produção econômica do Brasil, sendo um dos grandes exportadores de arroz, algodão e matérias-primas regionais. 

São Luís foi considerada a quarta cidade mais próspera do Brasil, devido a isso, ficando atrás de Salvador, Recife e Rio de Janeiro. Sobre o reconhecimento dado pela Unesco, o Iphan informa:

"Foi reconhecido como Patrimônio Cultural Mundial pela Unesco, em 1997, por aportar o testemunho de uma tradição cultural rica e diversificada, além de constituir um excepcional exemplo de cidade colonial portuguesa, com traçado preservado e conjunto arquitetônico representativo. Por se tratar de uma cidade histórica viva, pela sua própria natureza de capital, São Luís se expandiu, preservando a malha urbana do século XVII e seu conjunto arquitetônico original. Em toda a cidade, são cerca de quatro mil imóveis tombados: solares, sobrados, casas térreas e edificações com até quatro pavimentos".

IPHAN

Outras tradições culturais contribuem para o título ser mantido, como o Círio de Nossa Senhora de Nazaré, o Tambor de Crioula e Bumba meu Boi.

Veja mais notícias sobre Maranhão.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 01 Fevereiro 2023

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/