Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Quinta, 13 Agosto 2020

Segmento de hotelaria recebe orientação sobre cuidados durante hospedagem, no Maranhão

Diante do Decreto 35.677/20, divulgado no último dia 21 de março, pelo Governo do Maranhão, dentre os segmentos relacionados não constava que os meios de hospedagem tivessem suas atividades e serviços suspensos.

No entanto, a Secretaria de Estado do Turismo orienta que hotéis, pousadas e similares operem com bom senso e sem a utilização da capacidade máxima de ocupação e, claro, atendendo todas as normas da Organização Mundial da Saúde e Ministério da Saúde de combate ao novo coronavirus.
Sede da Secretaria de Turismo do Maranhão, estado que integra a Amazônia Legal (Foto: Divulgação)

A orientação é que as áreas coletivas, como academias, spas, piscinas, saunas e outras áreas de convívio dos meios de hospedagem, sejam fechadas e que, caso haja a presença de hóspedes que apresentem sintomas da Covid-19, que seja comunicado à Secretaria de Saúde.

A Secretaria de Turismo também informou que, nesta segunda-feira, 23, serão contactadas entidades representativas do turismo para uma videoconferência com apresentação de medidas para apoiar o setor e minimizar os efeitos recessivos desta pandemia. O canal de comunicação oficial para esclarecimento sobre a Covid 19 por meio do Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS) opera pelos telefones 3194-0207 e 99135-2692.

Decreto 35.677/20

O decreto suspende por 15 dias atividades que causem aglomeração de pessoas em locais públicos ou de uso coletivo. No primeiro momento a medida busca evitar a disseminação do novo coronavírus e inclui serviços não essenciais, como academias, shopping centers, cinemas, teatros, bares, restaurantes, lanchonetes, centros comerciais, lojas e estabelecimentos congêneres.

Adaptações na malha aérea durante pandemia do novo coronavírus

Na última sexta-feira (20), o titular da SETUR Catulé Júnior, realizou uma reunião por videoconferência com o staff da LATAM, para debater efeitos da pandemia Covid-19 na malha aérea do Brasil e do Maranhão.

Na reunião foi pontuada e destacada a importância da companhia aérea para o Estado, onde a mesma detém 48% dos pousos e decolagens no Aeroporto Marechal da Cunha na capital maranhense.

"Sabemos que o período atual pede cautela e precauções por não sabermos com clareza como o Brasil se comportará durante a pandemia. No entanto, a crise vai passar e, com o fortalecimento dessa parceria, poderemos voltar a negociar a expansão da malha aérea do estado", destacou Catulé Júnior.

Na ocasião, a LATAM informou que pelo 70% dos seus voos serão reduzidos no país, sendo que nesse percentual mais de 90% são de voos internacionais e 40% domésticos.

"Esse é um percentual definido pela empresa nessa primeira etapa, assim que soubemos da chegada no vírus, mas estamos trabalhando na definição exata de quais voos serão efetivamente retirados e quais mantidos. Em abril esse percentual pode mudar e tudo será repassado de forma oficial à Secretaria de Turismo" frisou o Analista de Relações Institucionais na LATAM Airlines, Vinicius Azevedo Batista.

A companhia áerea informou, ainda, que todos os passageiros que possuem voos nacionais ou internacionais afetados podem reagendar seu voo gratuitamente até 31 de dezembro de 2020.

Campanha Não Cancele, REMARQUE!

Com o objetivo de diminuir o impacto durante a pandemia do novo coronavirus, o Ministério do Turismo criou uma campanha para que os usuários do serviço áereo não cancelem suas viagens. No portal da pasta o seguinte comentário: A manutenção de milhares de empregos depende de você, viajante. Se está pretendendo cancelar sua viagem ou pedir o reembolso, Não cancele, remarque. O Ministério do Turismo apoia esta ideia e tem incentivado o adiamento dos roteiros turísticos.

Essa é a parcela de contribuição que cada um de nós podemos dar a esse setor neste momento de crise, que emprega tantos milhões de brasileiros e leva entretenimento e diversão para vários outros.

Veja mais notícias sobre TurismoSaúde.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quinta, 13 Agosto 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/

No Internet Connection