Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Sábado, 12 Junho 2021

Como montar um portfólio de serviços

annie-spratt-unsplash

Um dos pontos mais conversado e buscado por profissionais que foram desligados de suas empresas devido o caos da pandemia é a atuação independente, seja como profissional autônomo ou liberal. A cada 10 profissionais, 03 já optaram por não voltarem mais ao mercado de trabalho convencional, para assim, darem início à atuação com vendas de produtos e, principalmente, serviços.

Para trilhar esse caminho é fundamental que o profissional saiba o que e como expor as informações necessárias que tenham o gatilho de atrair novos clientes. Para fazer isso há várias alternativas, considerando as mídias digitais, portfólios ilustrativos ou animados, abordagens boca-a-boca, pedidos de indicações de conhecidos ou ex-colegas de trabalho, e tantas outras.

Por mais que seja aparentemente contraditório, esse tipo de atuação, nesse exato momento, é um caminho que pode possibilitar muita prosperidade, oportunidades e ganhos financeiros. Isso ocorre pelo fato de que as empresas e consumidores finais estão buscando preços mais acessíveis, o que normalmente é decorrente de profissionais sem empresas constituídas. Normalmente, sem generalização, as empresas que atuam com serviços possuem preços maiores devido às cargas tributárias que pagam, que para não terem prejuízo, precisam aumentar os seus valores.

Nesse artigo vamos falar sobre alguns pontos cruciais para quem quer ter um portfólio profissional para oferecer serviços para clientes. Conceitualmente, também pode ser usado para vendas de produtos. 

Foto: bruce mars / Unsplash

ESTRUTURA INICIAL

A construção de um portfólio não é complexo como podemos imaginar. São itens simples e que possam expor, de forma prática, todos os pontos necessários para gerar a atração para a compra. Prefácios e normas ABNT, por exemplo, são itens desnecessários para nos preocuparmos.

Para a montagem inicial, devemos considerar as seguintes estruturas:

- A capa deve constar o nome do/a profissional, de preferência sendo o nome de força. Por exemplo: Flávio Ferreira Guimarães deve ser simplificado em Flávio Guimarães. Junto a isso, também é necessário a indicação visual da profissão e o tipo de serviço de atuação. Logo abaixo, os telefones de contato e e-mail. Com esse direcionamento inicial, já haverá a referência da leitura sobre quem é o profissional. Contrário disso, se houver informações confusas sem esses pilares principais, a leitura será iniciada já em um processo de confusão mental, o que pode dificultar o entendimento geral.

- O segundo passo é indicar em quais empresas se trabalhou ou se atendeu como clientes. Essa exposição deve ser, de preferência, com as logos das empresas. Se ela for feita apenas por nomes pode não gerar a atratividade visual para criar o impacto da leitura inicial.

- O terceiro passo é indicar os projetos que já foram realizados. Se o/a profissional não tiver projetos para citar, pode converter para as principais atividades que realizou nas empresas que passou. O pulo do gato para esse item é citar números ou percentuais positivos gerados pela sua atuação. Exemplo: condução ou apoio na condução de projeto Z para a redução de custos / resultado: redução de custos em X mil reais ou redução de X% de retrabalho.

- O quarto passo é inserir registros de fotos, se a atuação envolver trabalhos em campo ou projetos externos. Exemplo: se o profissional trabalhou com projetos de construções, os registros de imagens em frentes de serviços é um gatilho muito positivo para criar impacto. Com esse exemplo, você vai adaptar para a sua realidade, se não atuar nesse setor. 

Foto: Annie Spratt / Unsplash

AS ARTES DEMONSTRATIVAS

Se o profissional trabalhar na área de criação, marketing ou publicidade, será mais fácil atender a esse requisito. Se não, o ideal é que um/a especialista seja contratado/a para a criação de uma logo arte para a capa. Um serviço desse, que tenha qualidade, não é tão caro como podemos pensar. Por ser um procedimento simples, normalmente não passa de 50 reais.

O ideal é que essa arte seja adaptada para a área de atuação. Brasões e escudos não são tecnicamente recomendáveis.

DEPOIMENTOS COMO TRAMPOLIM PARA O NEGÓCIO FECHADO

Se for o caso do profissional já ter atuações, é fundamental que recolha depoimento de clientes já atendidos para que possam ser inseridos nos slides. O depoimento, em muitos casos, é um fator mais poderoso do que uma grande publicidade social.

Se o profissional ainda não tiver atuações que possa recolher depoimentos de clientes, pode recorrer a ex-líderes de empresas/organizações por onde passou para que sejam solicitadas referências profissionais, que se transformarão nos depoimentos.

VALORES DEVEM CONSTAR?

De forma alguma. Os valores são a segunda etapa de um portfólio de serviço ou produto. Eles devem ser discutidos após o contratante ver a apresentação por inteiro. Se houver valores indicativos, o comprador pode achar caro e sequer marcar uma conversa para a oportunidade de exposição oral sobre o que será ofertado.

Em muitos casos, mesmo sendo valores mais altos, a exposição pessoal pode ser um grande diferencial para que o/a contratante faça a compra, mesmo que se o orçamento for maior que outros/as profissionais concorrentes.

E então? Vamos para a prática? Vai com tuuuudo !!!


Flávio Guimarães é diretor da Guimarães Consultoria, Administrador de Empresas, Especializado em Negócios, Comportamento e Recursos Humanos, Comentarista de Carreira, Emprego e Oportunidade dos Jornais Bom Dia Amazônia e Jornal do Amazonas 1ª Edição, CBN Amazônia, Portal Amazônia e Consultor em Avaliação/Reelaboração Curricular. 

Veja mais notícias sobre Eu Profissional.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sábado, 12 Junho 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/