Manaus 30º • Nublado
Sábado, 25 Junho 2022

Portal Amazônia responde: boto é peixe?

WhatsApp-Image-2022-05-14-at-13.14.20

É provável que você já tenha associado que todos os animais que vivem nas águas são peixes ou que todo animal que tem asas voa. Contudo existem algumas exceções.

O Portal Amazônia conversou com a bióloga e doutora em ecologia e reprodução dos mamíferos, Vera da Silva, para saber se o boto, animal tão característico da Amazônia e cercado de mitos, é ou não um peixe.

Foto: Jonne Roriz/AMPA

Os botos são animais que pertencem à ordem Cetacea e à família Iniidae. No bioma amazônico podem ser encontradas quatro espécies deste animal: Sotalia fluviatilis, Inia geoffrensis, Inia boliviensis e Inia araguaiaensis.

Por serem de ambiente aquático, é comum muitas pessoas os classificarem como peixes, mas a doutora em ecologia Vera da Silva explica: 

"Os botos não são peixes. Os botos são mamíferos aquáticos. Eles mamam durante a sua infância. Crescem, têm uma gestação placentária como de qualquer mamífero e quando nascem, depois de 12 meses de gestação, os filhotes amamentam na sua mãe. Os botos são golfinhos de água doce, mamíferos, e não estão relacionados com peixes",

esclarece Vera.

Além de ser biologicamente classificado como mamífero por - dentre outros fatores - possuírem glândulas mamárias e produzirem leite, uma característica que Vera ressalta é o fato de os botos se alimentarem de... peixes.

Boto e golfinho: primos distantes 

Outra dúvida é se botos e golfinhos são semelhantes. A pesquisadora esclarece que são sinônimos. A principal diferença é que o habitat do golfinho é a água salgada do mar e o do boto, a água doce do rio.

A bióloga e pesquisadora de mamíferos também afirma que existem outros animais com características parecidas e que provocam a mesma dúvida, como o tucuxi, conhecido como boto-preto, que também é considerado um "primo" do boto cor-de-rosa.

"Existem, sim, animais com características semelhantes, que incluem outros golfinhos que habitam o mar e golfinhos de rios de outros lugares do mundo, como o que ocupava os rios da China e foi extinto alguns anos atrás ou os golfinhos que habitam os rios da Índia, do Paquistão e Nepal",

informa.
Tucuxi e golfinhos são parentes do boto cor-de-rosa. Foto: Projeto Boto/Reprodução

Riscos 

Endêmicos da bacia amazônica, as principais ameaças aos botos são a caça ilegal, a captura acidental em redes de pesca e mais recentemente efeitos provocados pela construção de hidrelétricas.

Algumas espécies, como o boto-vermelho, entraram para a 'lista vermelha de espécies ameaçadas' da União Internacional para Conservação da Natureza e  dos Recursos Naturais (IUCN). Já o tucuxi apresenta "dados insuficientes" na lista.

Os dados foram coletados pelo Laboratório de Mamíferos Aquáticos (LMA) do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTI), coordenado pela pesquisadora Vera da Silva.


Veja mais notícias sobre Amazônia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 26 Junho 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/