Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Sábado, 16 Janeiro 2021

Cantor Wanderley Andrade faz show em garimpo ilegal dentro da Terra Yanomami em Roraima

O cantor de brega Wanderley Andrade fez um show para garimpeiros em uma região de garimpo ilegal dentro da Terra Indígena Yanomami, em Roraima. No Instagram, o artista, conhecido como 'Traficante do Amor', compartilhou vídeos em acampamentos e de uma pista clandestina no meio da floresta amazônica. (Veja no vídeo acima)

Wanderley afirmou que foi contratado pelos próprios garimpeiros. Ele não revelou quanto recebeu de cachê e se o pagamento foi em ouro ou dinheiro.

Nas redes sociais, o cantor compartilhou dois vídeoselfies. Em um deles, de 1 minuto, Wanderley exibiu os barracos construídos de lona no garimpo conhecido como "Prainha". A região fica no município de Alto Alegre, ao Norte do estado, às margens do rio Parima.

"Se você é careta fique logo ligado, estou no garimpo, na 'Prainha'. Vou mostrar meu apartamento [...] e ali é o rio. Rio que também tem muito ouro", diz ele, enquanto filma.

As imagens foram postadas por ele nesse domingo (27), mas o show, segundo o cantor, foi no dia 4 de dezembro.

Foto: Reprodução/Instagram

No outro vídeo, de 44 segundos, Wanderley mostra um avião monomotor ligado enquanto o tempo aparece fechado. As imagens foram feitas quando ele retornava do show.

"Volta do Garimpo, no Estado de Roraima. Garimpo da Prainha! Depois esperar tempo abrir......Deus Seja Louvado! [sic]", publicou Wanderley na legenda.

Questionado sobre ter ido fazer o show em meio a atividade ilegal, Wanderley afirmou não ter "outra alternativa" e ainda questionou: "será que é ilegal o artista ir onde o povo está?".

"A gente não tem outra alternativa. Existe uma hipocrisia por parte de todo esse sistema. Nós não temos onde fazer show em parque, em outros locais, está tudo fechado. A gente tem que ter alternativa."

"Quantas vezes me chamarem, eu vou. Eu vivo disso, preciso disso. Eu vou onde o povo está", reafirmou, ao ser questionado se iria novamente para a região.

O garimpo "Prainha" fica dentro da Terra Yanomami, próximo às comunidades Xaruna e Macabei. Região de mata fechada, o acesso ao local só é feito de barco -- a viagem dura cerca de 4 horas, ou de avião -- cerca de 1h30 de voo, saindo da capital Boa Vista.

*escrito por Valéria Oliveira




Veja mais notícias sobre AmazôniaRoraima.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sábado, 16 Janeiro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/