Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Terça, 19 Janeiro 2021

Capazes de chorar

Há algo que emerge disso, e que nos traz muita esperança: as pessoas capazes de serem felizes são as pessoas capazes de chorar.

Estamos no mesmo barco ou somos um único barco?

Este discurso pseudo liberal é, na verdade, uma declaração de algo muito mais forte em nossa cultura: o egocentrismo

Qual é o ponto X em um acordo?

O princípio que está por detrás dele, no entanto, embora seja difícil de colocar em prática, deveria ser buscado nas relações que temos com as pessoas e na forma de fazermos negócios

A impontualidade nossa de cada dia

Se você é uma pessoa que, como eu, tenta ser pontual no seu dia a dia, certamente tem muitos motivos para se irritar aqui no Brasil.

Qual é a sua única coisa para o próximo ano?

O fim de ano costuma nos trazer reflexões. Como anda a nossa vida? Estamos cumprindo o que viemos fazer? Temos ao menos esta consciência?

O que importa são os resultados. Será mesmo?

Mas será que este valor é tão absoluto assim? Deveria ser? Se de um lado formamos alguns vencedores, do outro lado, um número incontável de pessoas sofre por não estar neste seleto grupo.

Estou sendo confiável? Estou confiando?

A Confiança é realmente um tesouro. Quem a merece jamais passará por dificuldades, pois todos sentirão prazer em lhe fazer empréstimos.

Estar presente e estar no presente

A jornada é mais importante do que a chegada. É na caminhada que estão os melhores frutos. Tal qual os peregrinos.

Tem alguém aqui na reunião?

Se você pertence ao mundo corporativo, certamente você já participou de alguma reunião ou palestra em que a maior parte da audiência, abertamente, faz uso do celular.

Ter ego e não ter ego

Vivemos um momento em que, na sociedade, nas redes sociais e no mundo corporativo, se enaltece demais os egos. Todos têm que ser estrelas, celebridades e contar com inúmeros seguidores. O ego agradece.

Heranças invisíveis e troca de bastão

Não somos seres que viemos do nada, somos um elo de uma corrente, entre nossos pais e nossos filhos

Dá para ser divertido e artístico?

A questão é, tudo isso pode e deve ser vivido de uma maneira leve, alegre, até mesmo artística.

O que você quer: banana ou abacate?

Não é possível colher aquilo que não plantamos. Quem nos ensina isto é a própria natureza. De um pé de feijão não há como dar banana ou abacate.

Com tantas incertezas, desapegar não é fácil

Todos nós temos um tipo de apego, a que somos mais vulneráveis. Uns são apegados ao dinheiro, outros ao poder, a outras pessoas, ao passado ou ao futuro.

Doadores e Tomadores. No final, quem se dá bem?

No livro Dar e Receber, de Adam Grant, são apresentadas pesquisas sobre personalidades e comportamentos, classificados pelo autor de doadores, tomadores e compensadores.

Artigo: obrigado por mais um dia de trabalho

Quem agradece tende a agradecer mais, assim como quem reclama com frequência vai ficando bom nisso.

Para o que ou para quem você trabalha?

Vamos nos deter hoje a um ponto que está diretamente relacionado ao terceiro tipo de felicidade, o propósito, o que nos leva a fazer o que fazemos.

Sabores de Felicidade

A felicidade é mais do que uma sensação de bem estar e pode ser percebida de forma bem objetiva, ser ou não ser feliz.

É possível ser feliz no mundo corporativo?

Por detrás de todo o esforço, aprimoramento e projetos do ser humano, o objetivo é alcançar a felicidade.

Para você que chegou até aqui

Neste período, o mundo mudou talvez para sempre, e alguns de nós mudamos também. Talvez para melhor. O responsável por tudo isto, por ironia do destino, foi um elemento invisível