Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Segunda, 25 Mai 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/

“Fiquem em casa” é o apelo dos profissionais da Saúde à população do Acre

O Acre tem 7 casos confirmados da doença Covid-19, conforme boletim atualizado na manhã desta sexta-feira, 20. No Brasil já são 7 mortes. O novo coronavírus atinge todos os continentes e a Organização Mundial da Saúde trata o caso como pandemia. Na Itália mais de quatrocentas pessoas morreram em menos de 24 horas. Diante do cenário, os profissionais da Saúde do Acre fazem um apelo: "Nós estamos aqui por vocês, por favor, fiquem em casa por nós."

Isso porque uma das principais maneiras de frear a contaminação do vírus é se resguardando dentro de casa. Os técnicos que fazem a coleta para o coronavírus na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), do Segundo Distrito, em Rio Branco, estão à frente do batalhão no combate à Covid-19.

"Estamos sensibilizados com o cenário que é mundial, mas abertos a acolher, da melhor forma possível, todas as pessoas, com o carinho e a atenção que elas merecem", pontua Dora Vitorino, gerente da UPA do Segundo Distrito, e que em Rio Branco tornou-se referência para o atendimento de pessoas com suspeitas de contágio por coronavírus.


Profissionais da UPA do Segundo Distrito, unidade referência para atender casos suspeitos do coronavírus. Foto: Cedida

São pequenas palavras impressas em folhas de papel A4, pequenas palavras que podem salvar vidas e evitar cenas tristes no estado. "Sabemos que o momento é de preocupação entre as pessoas. Mas com atos como esse queremos mostrar que estamos dispostos a oferecer o nosso melhor pela população, como sempre fizemos", enfatiza pontua Dora Vitorino.

A imagem se repetiu em vários perfis nas redes sociais em outras cidades, como Cruzeiro do Sul, em que os profissionais da UPA da cidade também sensibilizar por meio dessas pequenas palavras.

"Estamos lidando com um vírus altamente contagioso e somente com o apoio da população será possível evitar uma calamidade. Nós pedimos encarecidamente que a população obedeça essa quarentena", faz um apelo o enfermeiro da UPA de Cruzeiro do Sul, Gilliard Santos.

Profissionais da Maternidade Bárbara Heliodora fazem o mesmo apelo à população. Foto: Cedida

Solidariedade

"Eu e os demais profissionais de Saúde estamos à inteira disposição com compromisso e responsabilidade para com a nossa população que precisar do nosso atendimento no que diz respeito à Covi-19", o depoimento é do médico, da UPA do Segundo Distrito, Charles Souza.

Apelo

"As unidades estão trabalhando juntas, 24 horas por dia, então nesse momento a gente conta muito com o apoio da população para que elas evitem ficar em aglomerações e permaneçam em suas residências. Juntos nós venceremos", salienta o gerente da UPA de Cruzeiro do Sul, Macson Rosas.  

Veja mais notícias sobre Saúde.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Segunda, 25 Mai 2020
No Internet Connection