Manaus 30º • Nublado
Domingo, 24 Outubro 2021

Pokémon GO em Manaus: diversão com atenção e cuidado

Pokémon GO em Manaus: diversão com atenção e cuidado
Foto: Divulgação/Niantic
Nos anos 2000 a animação japonesa Pokémon fez muito sucesso entre crianças e jovens de todo o mundo. Dezesseis anos depois, Pikachu e companhia voltaram a ser um fenômeno mundial com o jogo Pokémon GO, liberado no Brasil nesta quarta-feira (3). O jogo para smartphones, ansiosamente aguardado pelo público em Manaus, é uma mistura de realidade aumentada e uso do GPS criado pela empresa Niantic. Mas para aproveitar o máximo da experiência é preciso cuidado. 
Ao chegar nos Estados Unidos, Austrália e outros países em 5 de julho, a busca pelos monstrinhos  se transformou em um fenômeno. O jogo faz a pessoa se sentir como treinadores no desenho: é preciso caçar, capturar e treinar 151 pokémons. Para isso, é necessário andar pela cidade e encontrar tanto os bichinhos, quanto 'pokestops' (onde se pode adquirir as pokebolas usadas para capturá-los) ou encontrar ginásios e batalhar com outros treinadores.
Com a câmera fotográfica do smartphone é possível ver os pokémons selvagens próximos ao jogador do mundo real. Pontos turísticos, igrejas, faculdades e locais públicos são alguns 'pokestops' ou ginásios. Como todo fenômeno, o lado negativo também ganhou destaque, como casos de atropelamento e assaltos. 
Muitos conselhos de jogadores e especialistas em games têm surgido na Internet com relação à segurança. Não andar sozinho, não dirigir enquanto usa o aplicativo e ter atenção em locais de passagem de carros são os principais. Além disso, manter a atenção em locais pouco movimentados para evitar assaltos.
Uma preocupação dos jogadores é de buscar pokestops para pegar pokebolas e outros itens gratuitos. Mas é preciso lembrar que residências ou locais particulares não devem ser 'explorados' sem permissão dos donos. 
O perfil oficial do app no Twitter divulgou o lançamento na América Latina às 18h (horário de Brasília) desta quarta (3).  Em menos de 24 horas a caçada virtual conquistou adeptos em Manaus, inclusive quem nem sequer gostava do desenho animado, como é o caso do designer Luiz Miranda. "Eu comecei a usar o aplicativo mais por estar envolvido no hype da Internet nas últimas semanas. Nunca fui fã de Pokémon, mas queria saber como funcionaria a realidade aumentada. Estou gostando bastante, o jogo é bem imersivo, vicia fácil", contou o 'mestre pokémon' que já capturou 56 monstrinhos e conquistou o nível 7 como treinador. Pokémon GO pode ser baixado em celulares com sistemas Android ou iOS. O jogo é gratuito.

Veja mais notícias sobre Variedades.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 24 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/