Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Terça, 14 Julho 2020
chatbot-health-tech

Igrejas adotam transmissões pela internet para celebrar missas e cultos, em Manaus

Diante da pandemia do novo coronavírus, todos os setores da sociedade buscam fazer sua parte para controlar a disseminação do vírus Covid-19 e a recomendação é a mesma para todos: fiquem em casa. Seguindo a orientação, entidades religiosas também suspenderam suas atividades presenciais e utilizam as redes sociais para continuar fortalecendo a fé entre os fiéis.

Em comunicado oficial da Arquidiocese de Manaus, o Arcebispo Metropolitano de Manaus, Leonardo Ulrich Steiner, divulgou Orientações Pastorais para todas as comunidades católicas. Parte do texto destacava que se observem irrestritamente os cuidados de higiene amplamente divulgados pelos meios de comunicação e redes sociais, segundo orientações das agências sanitárias.
Arcebispo Metropolitano de Manaus, Leonardo Ulrich Steiner (Foto: Reprodução)

"Da mesma forma, ficam suspensas as reuniões, encontros de formação, atividades pastorais que reúnam pessoas nas dependências das comunidades e centros de pastoral pelo mesmo período de 30 dias", informou a nota. Além disso, foram suspensas as atividades de Catequese - Iniciação à Vida Cristã (IVC) em todas as suas etapas, pelo período de 30 dias.

Do mesmo modo, outras igrejas acataram a determinação do governo estadual de suspender atividades com aglomeração de pessoas e tomaram decisões que servem de exemplo para a população, como fizeram os líderes da Nova Igreja Batista - Grande Circular. Neste momento, conforme João Carlos Bento, é importante continuar alimentando a palavra de Deus, só que pela internet.

"Nós estamos aqui reunidos como família, acompanhando nosso culto, um domingo diferente. É claro que nós gostaríamos de estar na igreja, mas a gente fica feliz por participar assim mesmo longe de todos e tá se alimentando da palavra de Deus. Graças à Deus, nós temos uma igreja muito comprometida, com os ensinamentos da bíblia, nesse momento que a gente tá passando de quarentena, longe de todos, é muito importante a gente está aprendendo cada vez mais", disse João.

O pastor Anderson Libório, da NIB - Grande Circular, reforçca a importância de todos ficarem separados neste momento. "Enquanto mais rápido nós nos separarmos, mais rápido nós voltaremos a congregar juntos, um ao lado do outro, um abraçando o outro, um pegando na mão do outro", enfatizou Libório.

Na Paróquia Nossa Senhora Consoladora dos Aflitos, no bairro Betânia, zona sul de Manaus, a igreja definiu que, a partir das próximas celebrações, as mesmas serão realizadas através da internet, em transmissão online. 

Para o pároco da igreja, Luís Gataroso, foi um momento de inovar e fazer com que a evangelização não parasse. "Nós estamos vivendo esse momento um tanto quanto agitado e inquietante, onde a igreja precisa, nessa situação, buscar novos meios, para que a palavra de Deus, para que a evangelização não pare, mas continue. Nós decidimos, através das redes sociais, fazer com que as nossas celebrações pudessem chegar as casas das pessoas. Nós conseguimos alcançar com a transmissão online da missa, mais ou menos, 1.800 pessoas. E a expectativa, sem dúvida nenhuma ela foi superada", destacou Gataroso.

O Igreja Presbiteriana de Manaus (IPManaus) também suspendeu os cultos presenciais por um período inicial de duas semanas, como forma de prevenção ao contágio e contenção da disseminação do Coronavírus. A medida suspende também as atividades ministeriais que exijam a presença dos membros da instituição.

Por meio de nota, a IPManaus afirma que a atitude não significa que a igreja irá parar suas atividades. "Pelo contrário", afirma o Pr. Francisco Chaves dos Santos, Pastor Titular da Igreja. "Temos uma responsabilidade espiritual e social para com os membros. Nesse sentido, os cultos serão transmitidos online e as ações dos ministérios serão veiculadas nas páginas oficiais da igreja", comunica.

Covid-19: confira 10 dicas para se proteger do novo coronavírus

No Brasil, o número de casos confirmados subiu de 52 para 60. Até o momento, nenhuma cidade da Amazônia foi afetada pela doença
https://portalamazonia.com/noticias/saude/covid-19-confira-10-dicas-para-se-proteger-do-novo-coronavirus

Veja mais notícias sobre CidadesSaúde.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 14 Julho 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/

No Internet Connection