Manaus 30º • Nublado
Terça, 30 Novembro 2021

Cheia do rio Vermelho desabriga moradores em Eldorado dos Carajás

Cheia do rio Vermelho desabriga moradores em Eldorado dos Carajás
A cheia do rio Vermelho, ocasionada pelas fortes chuvas do período, impactou o município de Eldorado dos Carajás, no sudeste do Pará. Desde a terça-feira (21) 40 famílias estão desabrigadas, sob a tutela do município, e 30 famílias estão desalojadas, dormindo em casas de amigos e conhecidos. A Defesa Civil do Estado enviou dois técnicos especialistas ao município, que estão fazendo o levantamento de danos e prejuízos, auxiliando a prefeitura local no cadastramento das famílias no Sistema Integrado de Informação de Desastres e levantando as necessidades da população. 
Município é o único do Estado em situação de emergência deflagrada por aspectos climatológicos. Cheia foi ocasionada pelas fortes chuvas do período. Foto: Sidney Oliveira/Agência Pará
O Sistema Nacional de Defesa Civil foi instituído pela Política Nacional de Defesa Civil, regida pela lei 12.608, de 2012. Ele atua de forma sistêmica, integrando a Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec), as Coordenadorias Estaduais de Defesa Civil (Cedec) e as Coordenadorias Municipais de Defesa Civil (Comdec).

Quando acontece um desastre natural, quem dá a primeira resposta é a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil. O Estado entra como recurso suplementar e apoio técnico. “A Defesa Civil nasceu da necessidade da união da sociedade para responder a determinados eventos naturais, principalmente que impactam a população. À Defesa Civil, cabe articular essas operações, funcionando em sistema integrado entre estado e município para atender a essas demandas da melhor forma possível”, disse o sub-chefe da divisão de operações da Defesa Civil do Estado, Marcelo Santos.

Por enquanto, Eldorado dos Carajás é o único município em situação de emergência deflagrada por aspectos climatológicos. A Defesa Civil do Estado vem atuando diariamente no monitoramento pluviométrico dos rios do Pará, com o auxílio de órgãos especialistas, como o Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (Censipam) e o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Veja mais notícias sobre Cidades.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 30 Novembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/