Manaus 30º • Nublado
Terça, 06 Dezembro 2022

Agentes de segurança prendem 'pirata' em Cametá

Agentes de segurança prendem 'pirata' em Cametá
Material apreendido com o suspeito em Cametá, no Estado do Pará. Foto: Divulgação/Agência Pará
O 32º Batalhão de Polícia Militar e a Polícia Civil do município de Cametá, na região do Baixo Tocantins, no Pará, atuaram conjuntamente em uma operação de combate à pirataria nas ilhas da região nesta quarta-feira (11). A ação teve início após a recepção de uma denúncia de assalto a uma residência, ocorrido na ilha Patrimônio. Os policiais se deslocaram até o local para investigar a ocorrência e lá foram informados que quatro homens armados teriam roubado uma quantia em dinheiro e diversos pertences das vítimas, além de terem levado um membro da família como refém.

As informações davam conta de que os acusados estariam escondidos no Furo do Jaracuera, planejando mais uma ação criminosa. De imediato, foram feitas diversas incursões no intuito de localizar os criminosos. Ao perceber a aproximação dos policiais, os bandidos fugiram deixando para trás uma lancha tipo "voadeira" carregada com eletrônicos, eletrodomésticos, motores e diversos equipamentos subtraídos da residência na ilha do Patrimônio.
Durante incursões pela mata, os policiais encontraram  um dos suspeitos que havia fugido. Trata-se de Leomir Veloso dos Santos, conhecido como "Mendonça", que já possui diversas passagens pela polícia pelo mesmo crime. Ele é apontado como um dos integrantes da "família do Ruxito", conhecida pela prática de "pirataria" na região. O suspeito e os materiais apreendidos foram conduzidos para a Delegacia de Polícia de Cametá.

Segundo o tenente-coronel Wagner Wanderley, comandante do 32°BPM, as buscas continuam. "A nossa prioridade agora é encontrar os demais integrantes da quadrilha para, assim, darmos uma resposta aos moradores dessa região.

Veja mais notícias sobre Cidades.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 07 Dezembro 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/