Manaus 30º • Nublado
Sexta, 17 Setembro 2021

Por que refazer a Expedição de Pedro Teixeira?

WhatsApp-Image-2021-05-26-at-14.59.54
Foto: OGuarany

Olimpio Guarany, capitão da Expedição

Há alguns anos a idéia de navegar pelo rio Amazonas seguindo os caminhos de Pedro Teixeira, o Conquistador da Amazônia, faz parte do nosso projeto de vida. Realiza-lo agora é o grande desafio, mas tem algumas justificativas.

Tudo na Amazônia é superlativo. É o maior conjunto contínuo de florestas tropicais do planeta. A porção brasileira representa mais da metade do território nacional com uma população superior a 20 milhões de habitantes. 

Lago Urucureá - Foto: OGuarany

A bacia hidrográfica amazônica compreende uma área de, aproximadamente, 6,86 milhões de Km2. É a maior reserva mundial de água doce. Entre seus rios está o Amazonas, o maior em volume d'água e o mais extenso do mundo com 6.992,06 km. O Amazonas e seus afluentes contribuem com 20% da reserva de agua doce do mundo.

A existência da Amazônia é fundamental para o equilíbrio climático terrestre. Estudar a riqueza de sua biodiversidade e complexidade de seus ecossistemas é um desafio imposto à humanidade. Assim como é fundamental conter a marcha de destruição ambiental a que ela está sujeita e que se acelerou nos últimos 50 anos, também ganhando dimensão superlativa. Um processo que põe em risco a profusão de vida existente na região e que, por conseguinte, causa impacto em todos os habitantes do planeta.

Mesmo com toda essa magnitude de vida, de expectativas e de interesses em torno de seu destino, a Amazônia ainda é pouco conhecida no Brasil e no Mundo. É evidente a carência crônica da difusão de conhecimento sobre ela, em especial nos veículos de comunicação de massa. Em geral, quando o silêncio é quebrado, a informação transmitida é superficial e descontinuada, contribuindo pouco para um melhor conhecimento da região. 

Cidade dos Deuses - Alenquer. Foto: OGuarany

A enorme importância da Amazônia hoje no contexto mundial, a necessidade de conhecê-la melhor e a lacuna da difusão de conhecimento, justificam a produção prevista no projeto Expedição Pedro Teixeira - A Nova Descoberta do rio das Amazonas". Nele a Amazônia não será apenas um assunto a mais como ocorrem em outros documentários televisivos que, eventualmente, abordam a região como pauta.

Outro diferencial é o tratamento múltiplo das pautas, sem fixar-se numa única abordagem, seja histórica, ambiental ou de aventura ou cultural como é comum em outras produções do gênero. A pluralidade dos assuntos vai permitir que as vozes que representam diferentes visões e interesses sobre a Amazônia também possam se manifestar, contribuindo para melhor compreensão da região. 

Rio Arapiuns - Foto:OGuarany

A difusão de informações e o estímulo ao debate são essenciais para a Amazônia. 

"Não há um único caboclo, pajé, pensador, empresário, ambientalista, sindicalista que tenha resposta completa para a questão amazônica. Com a contribuição de cada um, se constrói a floresta de ideias, tão ou mais complexa e intricada que a própria natureza"

escritor João Meirelles Filho.

Por isso, embarque conosco e acompanhe a nossa jornada.

youtube.com/oguarany;

Instagram: @guarany sailing
@olimpioguarany

Whatsapp: (61)99845-0809 

Veja mais notícias sobre Navegador da Amazônia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 17 Setembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/