Manaus 30º • Nublado
Sábado, 25 Junho 2022

“Meio Ambiente” é tema da semana no quadro Consciência Limpa, produzido pela Fundação Rede Amazônica

A Fundação Rede Amazônica lançou nesta sexta-feira (10) mais um episódio do quadro "Consciência Limpa" que em alusão ao dia 05 de maio aborda o tema "Meio Ambiente". A matéria mostra as consequências do descarte incorreto de resíduos no dia a dia e como isso influencia na limpeza dos rios através do projeto "Remada Ambiental" e também, a iniciativa "Guerreiros da Amazônia" voltada ao público infantil com objetivo de conscientizar crianças de todo o Brasil sobre os cuidados com o meio ambiente.

Segundo o Coordenador do projeto "Remada Ambiental", Jadson Maciel, o projeto que existe há seis anos realiza ações de limpeza dos igarapés da região do rio lago Tarumã e busca incentivar a população local sobre o descarte correto de resíduos, principalmente, plástico e isopor. "A gente faz um trabalho de formiguinha aqui, mas o principal objetivo além de colocar a mão na massa e limpa os rios, é conscientizar essa galera sobre a importância de jogar o lixo no lugar correto, até porque todo resíduo jogado nas ruas por exemplo, vem parar nos rios com a chuva", disse ele.

O projeto é composto por voluntários como a Ana Bittencourt que pelo menos uma vez ao mês se junta ao grupo para recolher os resíduos do igarapé do gigante, um dos mais afetados da região. "O que mais me surpreende é que sempre que eu venho aqui parece à primeira vez, sempre tem muito lixo. Porém, querer ver os nossos rios e lagos mais limpos é o que me motiva a estar aqui. Precisamos entender que podemos fazer a diferença, eu não digo nem vindo até aqui, mas evitando jogar lixo nos locais errados", disse a advogada.

Enquanto a equipe de reportagem acompanhava o trajeto até o igarapé do gigante, era notório o impacto negativo que a poluição dos rios causava nas árvores e na água. As árvores que no início do trajeto eram verdes e robustas, no local, mostravam folhas secas e galhos podres. O rio conhecido pela água preta, estava turvo, com aspecto sujo e odor comparado às lixeiras encontradas na cidade.

A matéria também mostra o trabalho do projeto "Guerreiros da Amazônia" que através de personagens lúdicos inseridos em desenhos animados, clipes musicais e livros, conscientizam crianças de todo país sobre a importância do cuidado ao meio ambiente. "Os guerreiros são meninos e meninas comuns que ganham poderes para proteger a Amazônia de problemas do dia a dia como, poluição dos rios e lagos, garimpo ilegal e outros. A ideia é fazer com que as crianças se vejam através deles com poderes para cuidar melhor do meio ambiente", disse.

A ação de conscientização realizada pela Fundação Rede Amazônica na última quinta-feira (09) também foi mostrada na matéria. A exposição de desenhos feitos por filhos de colaboradores e crianças do projeto "Ler+1" e a distribuição de sementes reuniu funcionários de todos os setores do grupo. "As crianças responderam através de desenhos 'o que elas fazem ou querem fazer para cuidar do meio ambiente'. Com as mudas e sementes, nosso objetivo é incentivar o plantio para que eles possam propagar essa ideia através de um aplicativo que o Instituto Soka e a Fundação, juntamente com a VR Academy desenvolveram para que as pessoas identifiquem a sua planta, que elas possam geolocalizadas e que possam ter acesso a quantidade de árvores e mudas plantadas por um determinado público", afirmou Marcya Lira, Diretora Executiva da Fundação Rede Amazônica.

Assista a matéria na íntegra: 

Veja mais notícias sobre FRAM.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 26 Junho 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/