Manaus 30º • Nublado
Terça, 28 Setembro 2021

Você conhece as lendas urbanas de Manaus?

WhatsApp-Image-2021-07-14-at-14.21.48

Quando paramos para pesquisar sobre as histórias e lendas urbanas, nos deparamos com lendas folclóricas do estado do Amazonas. Porém, você conhece as lendas que circulam na cidade de Manaus? Lugares como o Teatro Amazonas, o antigo prédio da Santa Casa de Misericórdia, casas de shows e praias já foram protagonizados por histórias de figuras sobrenaturais. Confira:

A velha barreira do Tropical Hotel

Uma das lendas mais populares entre os taxistas que circulam pela cidade, a história conta que algumas pessoas que moravam a beira do rio negro tiveram que serem retiradas, e entre elas, uma senhora se recusou a sair e acabou morrendo no local onde hoje é o Hotel Tropical.

Acredita-se que ela vaga pelo Hotel, assombrando como forma de vingança por épocas passadas e pelo o que fizeram com ela.

Existe outra versão, onde relatam que a velha se disfarça de uma bela moça, e ataca os que acreditam no seu disfarce.

A lenda fala que trata-se de uma senhora de idade avançada, de aproximadamente 80 anos, que surgia misteriosamente na madrugada, para vigias, operadores de máquinas pesadas, motoristas, etc. Geralmente aparecia para uma pessoa que estivesse sozinha, sua aparição nunca deixava testemunha

Foto: Divulgação

O diabo na Mansão do Forró

Em 2007, policiais, porteiros e frequentadores do estabelecimento Mansão do Forró afirmaram terem visto a aparição do demônio. De acordo com os relatos, a pessoa tomava uma espécie de drink chamado "capeta" e após ingerir, causava alucinações onde um homem, metade humano, metade bode, com olhos esverdeados e chifres na cabeça emanando um cheiro forte de enxofre e dançava com a mesma. O chamado capeta, foi visto em outras casas noturnas em diferentes formas.

Foto: Reprodução

Menino picado por cobra coral na piscina de bolinhas do Studio Play

No ano de 2005, uma criança de 4 anos estava brincando dentro de uma piscina de bolhinhas, no playground do Studio 5, após alguns minutos, a criança foi até a mãe reclamando de dor no braço, achando que não era nada grave, a criança retornou a brincar na piscina de bolhinhas. De repente, a criança caiu e foi socorrida, mesmo assim, ela não resistiu e acabou falecendo.

A investigação mostrou que dentro da piscina de bolhinhas, havia um ninho de cobras corais, com filhotes.

Foto: Divulgação

 Sereia de Manaus encontrada na Praia da Lua

Um cadáver em formato de sereia foi encontrada na Praia da Lua em 2008 por um vendedor ambulante e um barqueiro que passava pelo local. De acordo com informações, a criatura teria aparecido no local após um tsunami. A informação começou a circular no ano de 2008 e voltou a circular em 2012, onde testemunhas e um suposto biólogo comentavam a respeito do caso.

Foto: Divulgação

Assombrações no Teatro Amazonas

Um dos locais onde mais possuem relatos sobrenaturais, um dos primeiros casos, foi relatado em 1998, em um texto chamado "Os fantasmas do Teatro Amazonas" publicado em "O Estado de São Paulo", onde Márcio Souza conta que no ano de 1965, ao acompanhar uma amiga que iria atuar em uma peça, estava ensaiando ao palco, quando um dos assistentes afirma ter encontrado um estranho cavalheiro com roupas do século XVIII e peruca Marceau. A figura fez uma reverência, virou e caminhou até desaparecer na parede. Segundo as histórias que contavam, o chamado cavalheiro, era a alma de um ator italiano que morreu vítima de malária em 1912 e sua alma perambulava pelas coxias e camarotes, com o figurino de sua peça "A Dama das Camélias".

Porém, o fantasma do ator não é o único presente no Teatro Amazonas, de acordo com o poeta Farias de Carvalho, existe quase um elenco completo que poderia encenar facilmente a famosa peça "Barbeiro de Sevilha". De acordo com a investigação do poeta, muitos artistas europeus morriam e, por não encontrar lugar melhor para vagarem, acabaram se instalando no "" que seria o teatro. Farias de Carvalho ainda dizia que, todos os anos, as almas encenavam "La Gioconda" sob a regência do maestro Benário Civelli, que morreu de febre amarela em 1899 e pelo maestro Genivaldo Encarnação, morto em uma briga na Pensão da Mulata. 

Foto: Divulgação

Loira do carro preto

De acordo com a história, uma mulher loira, dirigia pela cidade em um carro preto, acompanhada por um homem em busca de crianças para arrancar os órgãos delas. Por conta da repercussão de reportagens feitas por programas policiais televisivos, que relatava um esquema de tráfico de órgãos, a história tomou uma grande proporção na cidade.

Por conta disso, uma mulher loira, dirigindo um carro preto foi presa juntamente com um homem ao ser confundida pela chamada Loira do carro preto, onde chegou a ser levada para a delegacia. Uma multidão com cerca de 1000 pessoas se dirigiu a delegacia que ela foi encaminhada, na intenção de "linchar" a moça, que era suspeita por envolvimento no tráfico de drogas em Manaus, e acabaram sendo liberados por falta de flagrante.

A assessoria de polícia informou que na época, a cidade ficou vidrada na história. As delegacias recebiam ligações de pessoas em busca de informações sobre o suposto esquema de tráfico de órgãos.

Foto: Reprodução

Santa Casa de Misericórdia

O prédio abandonado do antigo hospital da Santa Casa de Misericórdia é repleto de histórias macabras de pessoas que se aventuraram a explorar o local ou passavam próximo a ele, no centro de Manaus. Um dos casos mais recentes, foi o vídeo postado em maio de 2019 no Youtube, onde o canal chamado Baiano Vicente, explorava os locais abandonados e lendas urbanas. No vídeo, supostos policiais corriam ao ver assombrações no prédio. Entretanto, os policiais se tratavam apenas de caçadores de emoção. 

Veja mais notícias sobre Amazonas.

Veja também:

 

Comentários: 1

Derick em Quarta, 21 Julho 2021 21:33

Na escola Nilo Peçanha no centro também tem histórias cabulosas. Eu imagino que todo casarão antigo ainda mais ali no centro da cidade tenha seus fantasmas.

Na escola Nilo Peçanha no centro também tem histórias cabulosas. Eu imagino que todo casarão antigo ainda mais ali no centro da cidade tenha seus fantasmas.
Visitante
Terça, 28 Setembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/