Grupamento Aéreo transporta malotes de provas do Enem para Anajás, no Marajó

A entrega via aérea é feita por ser uma rota mais rápida e segura, visto que a viagem até Anajás de barco dura em torno de 16h

A Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social do Estado (Segup), por meio do Grupamento Aéreo de Segurança Pública (Graesp), fez o transporte dos malotes com as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), na manhã deste sábado (16), para o município de Anajás, no arquipélago do Marajó, dentro da Operação Enem 2020.

“Realizamos esse procedimento todos os anos, pois sabemos da necessidade em atender os alunos do Estado, especialmente aqueles que moram em regiões distantes. O Graesp está sempre a postos para essas missões, onde só é possível chegar pela via aérea”, destacou o piloto do voo, tenente coronel Augusto Bittencourt.

Foto: Divulgação

 A equipe do Graesp transportou as provas com a escolta da Polícia Militar, responsável pela guarda dos malotes. A distribuição também conta com o apoio dos Correios e do Exército. A entrega via aérea é feita por ser uma rota mais rápida e segura, visto que a viagem até Anajás de barco dura em torno de 16h, o que demandaria mais tempo e uma logística de segurança ainda maior.

“Sabemos que o Pará é um Estado que apresenta peculiaridades devido a sua extensão. Em muitas cidades só é possível o acesso através de barco ou de avião. Em razão disso, montamos um planejamento para atender, de forma especial, o município de Anajás, que, devido a sua localização, ficaria inviável realizar o transporte das provas com segurança. O apoio do Graesp se torna fundamental para que possamos chegar até a localidade e garantir o direito dos alunos da região a prestarem o Exame”, disse o secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, Ualame Machado.

Operação Enem – Sete mil agentes do Pará estão envolvidos na logística e segurança para a realização do Exame Nacional do Ensino Médio 2020.

Nos dias da aplicação das provas, as ações começarão às 6h com o acompanhamento, em tempo real, do Centro Integrado de Comando e Controle no plenário da Secretaria de Segurança Pública do Estado, em Belém. O monitoramento será feito por representantes de todos os órgãos envolvidos na execução do Exame.

Este ano, assim como nas Eleições 2020, a segurança pública do Estado implementará os Centros Integrados de Comando e Controle Regionais (CICCR) nos municípios de Marabá, Capanema, Castanhal, Soure, Breves, Paragominas, Tucuruí, Redenção, São Félix Xingu, Santarém, Itaituba, Abaetetuba e Altamira. As unidades serão coordenadas pelo Centro do Centro Integrado de Comando.

Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

Projeto auxilia produção de algodão agroecológico em Mato Grosso

De acordo com pesquisador, a estruturação desta cadeia produtiva representa a possibilidade de produzir peças com fibras responsáveis, deixando um impacto positivo.

Leia também

Publicidade