Manaus 30º • Nublado
Domingo, 17 Outubro 2021

Amoci-Fortec 2021 debate estratégias sobre inovação tecnológica

A partir de 1 a 3 de setembro desta semana realiza-se em Manaus nova edição do "Amoci Fortec Meeting 2021". O evento, que já se tornou referência em promoção e difusão de tecnologias amazônicas, tem como anfitriões o Arranjo de Núcleos de Inovação Tecnológica (NIT) da Amazônia Ocidental (Amoci) e o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTI). As atividades acontecerão das 9h às 18h (Brasília), incluindo a "3ª Conferência Internacional sobre Processos Inovativos na Amazônia: Interfaces entre ICT, empresários e investidores" em parceria com o XV Encontro Anual de Gestores de Inovação e Transferência de Tecnologia (Fortec). 

Devido à pandemia Covid-19, as programações ocorrerão em formato virtual. A solenidade de abertura terá a presença da diretora do Inpa, Antonia Franco, do ministro da Ciência , Tecnologia e Inovação, Marcos Pontes (a confirmar), do superintendente da Suframa, Algacir Antonio Polsin, dentre outras autoridades.

A temática relativa à 3ª Conferência Internacional sobre Processos Inovativos na Amazônia visa promover a interlocução do Sistema Nacional de Inovação objetivando a troca de expertises nacionais e internacionais na área de Propriedade Intelectual, Transferência de Tecnologia e Empreendedorismo com foco na Inovação. Quanto ao XV Encontro Anual de Gestores de Inovação e Transferência de Tecnologia (Fortec), alinhado à programação da 3ª Conferência Amoci, irá discutir questões relativas ao "Reposicionamento das Estratégias de Inovação e Autonomia Tecnológica".

Reprodução: Internet

Para a coordenadora do Arranjo Amoci e de Extensão Tecnológica e Inovação (Coeti), do Inpa, pesquisadora Noélia Falcão, "o evento se traduz em importante momento ao criar ambiente de interação aos participantes, fortalecendo a conexão dos diversos atores do Sistema Nacional de Inovação, além de trazer boas práticas desenvolvidas em diversas instituições, não só do Brasil, mas do mundo, para fortalecer a inovação no país". O Amoci diz respeito a 1 dos 4 Arranjos de Inovação Tecnológicas (NITs) do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) existentes no Brasil: NIT Rio, NIT Mantiqueira e Rede Namor (Amazônia Oriental), sediada no Museu Paraense Emílio Goeldi, abrangendo os estados do Amapá, Pará e Tocantins".

Entre os temas a serem trabalhados, estão Inovação para produtos da biodiversidade, Perspectivas para a bioeconomia, Modelos de transferência de tecnologia, Acordos de Parceria, Métodos ágeis nas instituições públicas e empresas para impulsionar resultados, Valor de Startup e Ecossistema de Inovação. Destaque à Mesa Internacional sobre Contratos de Transferência de Tecnologia e sua aplicabilidade, dia 2, 9 hs (Brasília), da qual participarão Maira Catalina (Grupo Bolívar, da Colômbia); Camilo Ansarah (USC); Pascale Chaise (PUC/RS), com moderação de Mauro Catharino (INPI).

O Amoci compõe-se de 22 instituições da Amazônia Ocidental (Amazonas, Acre, Roraima e Rondônia), além da Ufam e Suframa. Enquanto a Suframa toma parte do 3º dia do evento, juntamente com Fapeam e Semtepi, a Ufam integra o 2º dia, Tucunaré River: Pitchs de Tecnologias (apresentação breve e direta de uma empresa, produto ou serviço) destinados a investidores interessados em Biotecnologia, Saúde, Alimentos, Cosméticos. Na oportunidade será apresentadatecnologia sobre "Elaboração de nutracêutico à base de camu-camu, açaí e guaraná com efeito hipolipemiante", patente em co-titularidade com o Inpa, pela professora Adele Salomão, concludente do Doutorado em Biotecnologia na Ufam.

"O Inpa atua desde 2002 na formação de recursos humanos e na geração de tecnologias protegidas por direitos de propriedade intelectual (patentes) ou know how, prontas para transferência. Adicionalmente, na condição de integrante do Amoci, desde 2015 atua na promoção de cultura e prática sobre Propriedade Intelectual em toda a Amazônia Ocidental, e também no apoio a ações nas demais regiões do país", enfatizou Noélia Falcão.


Veja mais notícias sobre Economia na Amazonia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Segunda, 18 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/