Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Domingo, 16 Mai 2021

Festa do Çairé movimenta a economia de Alter do Chão

Festa do Çairé movimenta a economia de Alter do Chão
O Festival do Çairé, manifestação religiosa que ocorre em Alter do Chão, Santarém, no oeste paraense, há mais de três séculos, traz oportunidades para a economia da vila. Desde 1999, quando os botos Tucuxi e Cor de Rosa começaram a disputar a simpatia do público, o turismo, gastronomia e comércio locais cresceram.
 
A estimativa da organização do festival para este ano é que cerca de 150 mil pessoas passem por Alter do Chão durante os cinco dias de evento. Nativos e turistas ganharam praticidade nas atividades econômicas com a instalação, na vila, de uma unidade do Banco do Estado do Pará (Banpará), onde é possível acessar todos os serviços bancários.

Economia da cidade crescerá durante o festival. Foto: Divulgação
 
O turismo aquece a economia. Dono de um hotel em Alter do Chão, Dorisson Lobato de Sousa, 44, diz que a vila recebe turistas do mundo todo. "Já recebemos europeus, norte-americanos e asiáticos. Neste ano não há estrangeiros hospedados, mas temos hóspedes de todo o Brasil. As reservas começam a ser feitas com um ano de antecedência, e já estamos com o período lotado há um mês". Segundo ele, o hotel consegue manter um nível de ocupação satisfatório durante todo o ano por causa do reconhecimento turístico de Alter do Chão.
 
Na frente do hotel de Dorisson está a peixaria de Saint-Clair de Melo, 45, que recebe diariamente os turistas que estão no distrito por conta do festival. "Temos o aumento de 50% no movimento nesse período. Os turistas ficam maravilhados com a diversidade. Eles vêm e comentam sobre a vontade de voltar", conta o empresário. "A vila é linda. Gosto desse ar bucólico. Eu me sinto à vontade aqui. É tranquilo, o clima é gostoso e alegre. Pretendo voltar", diz José Alves Feitosa, 61, que saiu de Salvador (BA) a convite da filha Girleide Novaes Feitosa Fonseca.
 
A apresentação mais aguardada pelos turistas será neste sábado (17), no Çairódromo, arena montada na praça do Çairé que receberá as apresentações alegóricas dos botos Tucuxi e Cor de Rosa, que representam a face profana do evento.
 

Veja mais notícias sobre Turismo.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 16 Mai 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/