Manaus 30º • Nublado
Domingo, 17 Outubro 2021

Secult Pará abre inscrições para novos editais e credenciamentos da Lei Aldir Blanc; valor disponível é de R$ 4 milhões

lei-aldir-blanc-par1

O Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Cultura (Secult), lança mais duas ações da Lei Aldir Blanc, em cooperação com entidades parceiras. Já estão disponíveis o edital de Audiovisual, executado pela Associação de Artistas Visuais do Sul e Sudeste do Pará; e a ação realizada em parceria com o Serviço Social do Comércio (Sesc Pará), que envolverá três credenciamentos, todos inseridos no projeto de Incentivo à Produção e Difusão Cultural e Ações Formativas, executado pelo Sesc.

Inscrições para o Audiovisual podem ser feitas até o dia 30 de dezembro; já os credenciamentos seguem até 31 deste mês. (Arte:Divulgação/Secult-PA)

Os três credenciamentos são: 1) propostas culturais e ações formativas; 2) produtores, avaliadores de projetos culturais; e 3) escritores independentes, editoras, livreiros e sebos para a aquisição de ativos culturais (livros e publicações autorais e editoriais).

Os processos seletivos realizados em parceria foram formalizados por meio de Chamadas Públicas, um dos instrumentos previstos no inciso III da Lei Aldir Blanc de Emergência Cultural. As inscrições para o Audiovisual estarão abertas de 15 a 30 de dezembro de 2020; já os credenciamentos do Sesc seguem de 15 a 31 do mesmo mês.

Os proponentes interessados em participar do edital de Audiovisual deverão se cadastrar primeiro no Mapa Cultural do Pará, ler o edital disponível no site Aldir Blanc e, em seguida, efetuar a inscrição pelo e-mail . O edital vai contemplar 68 propostas, no valor total de R$ 4 milhões.

A premiação será dividida entre as seguintes modalidades: Formação Audiovisual 1 (2 prêmios de R$ 40 mil; Formação Audiovisual 2 (2 prêmios de R$ 60 mil); Formação Audiovisual 3 (2 prêmios de R$ 80 mil); Criação/Desenvolvimento de Obras 1 (4 prêmios de R$ 120 mil); e Criação/Desenvolvimento de Obras 2 (2 prêmios no valor de R$ 150 mil).

Além dessas, também haverá prêmios para as modalidades de Difusão Audiovisual 1 (5 prêmios de R$ 80 mil); Difusão Audiovisual 2 (5 prêmios de R$ 60 mil); Difusão Audiovisual 3 (5 prêmios de R$ 20 mil); Obras em Finalização 1 (6 prêmios de R$ 80 mil); Obras em Finalização 2 (4 prêmios de R$ 80 mil); Produção de Curta-Metragem (8 prêmios no valor unitário de R$ 100 mil); Produção de Séries/ Webséries do Gênero de Ficção, Animação ou Documentário (3 prêmios de R$ 120 mil); e Licenciamento de Obras (20 prêmios de R$ 5 mil).

Serão destinados, no mínimo, 50% de prêmios para mulheres (cis e trans) que atuam no segmento de audiovisual. O processo também busca promover a política pública de interiorização do acesso aos recursos públicos, destinando 30% da premiação para propostas de Região de Integração do Guajará e 70% para propostas advindas das demais regiões de integração do Estado.

Credenciamentos


O Sesc é a Organização da Sociedade Civil responsável por três credenciamentos que também estão com inscrições abertas. Para participar, é necessário cadastro prévio no Mapa Cultural do Pará. O regramento e os links para as fichas de inscrição estarão disponíveis no site da instituição.

A seleção de até 1 mil propostas culturais, prevista no Incentivo à Produção e Difusão Cultural e Ações Formativas, abrange as Artes Cênicas, Artes Visuais, Música, Literatura, Audiovisual e Patrimônio e Memória Social. O valor total do investimento é de R$ 4.053.00 para os artistas.

Serão aceitas inscrições de todo o Estado para as ações e projetos de Artes Visuais e Audiovisual realizados pelo Sesc. Já o credenciamento para os demais segmentos é exclusivo para fazedoras e fazedores de cultura residentes em 35 municípios: Belém, Ananindeua, Santa Izabel, Benevides, São Francisco do Pará, Inhangapi, Vigia, São Caetano de Odivelas, Cametá, Castanhal, Tailândia, Capanema, Ourém, São Miguel do Guamá, Salinópolis, Santarém Novo, Paragominas, Bujaru, Marapanim, Marabá, São João do Araguaia, Rondon do Pará, Redenção, Conceição do Araguaia, Tucuruí, Ulianópolis, Santarém, Altamira, Mojuí dos Campos, Óbidos, Itaituba, Belterra, Juriti, Monte Alegre, Oriximiná.

Para o credenciamento de Escritores Independentes, Editoras, Livreiros e Sebos do Estado do Pará será destinado R$ 1 milhão para aquisição de livros e publicações autorais e editorais.

Por fim, o edital para contratação de Produtores Culturais e Avaliadores de Propostas Culturais vai selecionar 10 avaliadores nos segmentos culturais de Artes Cênicas, Artes Visuais, Audiovisual, e Patrimônio e Memória Social; e 28 Produtores Culturais para intermediar as realizações artísticas em 35 municípios. Serão destinados R$ 147 mil para esse credenciamento.


Edital de Audiovisual - Inciso III da Lei Aldir Blanc
Período de inscrições: 15 a 30 de dezembro
Site: aldirblancaudiovisualpa.org
E-mail:

Credenciamentos
Período de inscrições: 15 a 31 de dezembro
Site: sesc-pa.com.br.

Veja mais notícias sobre NotíciasCulturaPará.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 17 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/