Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Domingo, 27 Setembro 2020

Ex-Pajé: filme gravado na Amazônia é premiado em Festival de Berlim 2018

Ex-Pajé: filme gravado na Amazônia é premiado em Festival de Berlim 2018
O filme 'Ex-Pajé', gravado na Terra Indígena 7 de setembro, em Rondônia foi premiado, na última semana, com a Menção Honrosa do Glashütte Original Documentary Award, o prêmio maior dado aos documentários. A programação fez parte do Festival Internacional de Cinema de Berlim 2018.

O longa brasileiro assinado por Luiz Bolognesi, que fez parte da mostra Panorama, conta a história de Perpera, um índio Paiter Suruí que viveu até os 20 anos em um grupo isolado na floresta, onde se tornou pajé. Após o contato com os brancos, um pastor evangélico afirma que os atos e saberes do pajé são coisas do diabo e Perpera passa a viver um conflito interno. Apesar de se dizer evangélico e se definir como ex-pajé, continua tendo visões dos espíritos da floresta. 
Foto: Acervo Pessoal / Carolina Fernandes
Carolina Fernandes, que assina a assistência de direção e coordenação de produção Amazônia do filme, falou sobre a premiação. "Ganhamos o prêmio especial do júri como melhor filme documentário na mostra Panorama, no festival de Berlim, dentre os mais de 4 mil filmes inscritos. Toda a equipe está realizada e feliz com a projeção desta temática, que é tão importante para o povo Paiter Suruí e demais povos da Amazônia", disse.

O documentário segue para outros festivais, como o É Tudo Verdade - Festival Internacional de Documentários, de São Paulo, e pretende entrar em circuito comercial de cinemas ainda em 2018.

Confira um teaser do documentário.
Ex - Shaman from BANKSIA FILMS on Vimeo.

Veja mais notícias sobre Cultura.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 27 Setembro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/