Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Quinta, 29 Outubro 2020

Curtas amazonenses integram programação do 'Encontro de Cinema Negro Zózimo Bulbul'

21199635_1535877143143215_6753101419611028387_o

Os curtas-metragens "A estranha velha que enforcava cachorros", dirigido pelo produtor audiovisual Thiago Morais e "O caso tucumã" dirigido pelo cineasta Bruno Pereira serão exibidos entre os dias 21 a 30 de outubro, no Centro Afrocarioca de Cinema, durante a programação do 13º Encontro de Cinema Negro Zózimo Bulbul que esse ano será totalmente online.

Os curtas são os únicos representantes do Amazonas selecionados para a Mostra Brasil.encontro terá mais de 100 filmes nacionais e internacionais, divididos em 30 sessões de longas, médias e curtas-metragens. Além da programação de filmes, o encontro também terá cursos virtuais e online, todos gratuitos.

A estranha velha que enforcava cachorros 

O filme foi produzido em 2017, como trabalho de conclusão no Curso de Tecnologia em Produção Audiovisual da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). Estrelado pela atriz amazonense Lu Dommane e pelo ator Emerson Nascimento, o curta conta a história de um homem que se solidariza com um santo e em um ato de delírio vê várias mulheres pedindo esmolas na porta de sua casa. 

Inspirado livremente no conto "Pio Ofício", do escritor amazonense Carlos Gomes, o filme tem 7 minutos de duração e classificação livre. Segundo o diretor Thiago Morais, que também assina o roteiro e a edição do curta, o filme foi produzido com poucos recursos, porém houve uma dedicação na finalização. O filme possui CPB (certificado de produto brasileiro) e uma trilha sonora produzida especialmente pra ele. ''Para nós, é uma honra participar do encontro pois, se trata de um evento importante dentro da circuito do audiovisual brasileiro. Já é nossa 53º participação em eventos audiovisuais e estamos felizes por estar em um evento de resistência". 

O elenco do filme traz a estreante Kassia Lorrane e a atriz Adrienne Nobre. O filme recebeu apoio institucional da UEA, que contou com equipe nos alunos do curso de extinto curso de audiovisual da UEA, da Amazonas Film Commission, da La XungaProduções e da Across Music Production. 

O caso tucumã 

O filme foi produzido em 2019, durante a Oficina de Produção Audiovisual (OPA), oferecida gratuitamente pelo Museu Amazônico da UFAM. Foi roteirizado e dirigido pelo cineasta Bruno Pereira e a equipe técnica formada pelos alunos da OPA, que desempenharam funções importantes no processo de pré-produção e filmagens do curta, que teve também a contribuição do roteirista Wander Luiz, que colaborou na produção do roteiro.

Representado por elementos amazônicos, o curta recebeu da direção de arte uma atenção especial, com objetos que ajudaram a ambientar e contar essa crônica do imaginário amazonense, que fala da história de uma mulher que recorre aos serviços de um detetive para desvendar um crime, envolto em mistérios e comédia. O elenco é formado por Jorge Pimentel, Andreia Omena e o jovem Arthur Mascarenhas. O Encontro Zózimo Bulbul é o 5º festival que o curta Caso Tucumã participa. 

Veja mais notícias sobre CulturaArte.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quinta, 29 Outubro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/