Operação emergencial vai preparar a BR-316 para as férias de julho

Começa na próxima segunda-feira (22) a operação emergencial de recuperação dos 18 primeiros quilômetros da Rodovia BR-316, no trecho entre o viaduto do Entroncamento até a entrada da Rodovia PA-404, que dá acesso ao distrito de Mosqueiro, na Região Metropolitana de Belém. O trabalho incluirá operação tapa-buracos no trecho e toda a sinalização horizontal e vertical das faixas de pista e da travessia de pedestres. O objetivo é garantir maior fluidez no tráfego de veículos, tendo em vista a proximidade do veraneio, que intensifica o movimento de saída da cidade no mês de julho.

Segundo Kléber Menezes, titular da Secretaria de Estado de Transportes (Setran), a operação também vai tirar as maiores irregularidades da pista, com o nivelamento de certos trechos acidentados. Será feita ainda a recuperação de todos os semáforos. O Departamento de Trânsito do Estado (Detran) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) vão organizar o fluxo de veículos e pedestres, orientando condutores. A previsão é concluir os trabalhos até o dia 30 de junho, para deixar a rodovia pronta para a demanda das férias escolares.

Foto: Reprodução/Agência Pará

Rapidez e segurança

“A operação vai abranger, inclusive, o perímetro desde o viaduto do Entroncamento até o primeiro semáforo localizado após o Shopping Castanheira. É um trecho que foi cedido pelo  Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) ao município de Belém, mas que será incluído no trabalho de recuperação do Estado”, informa o secretário. “Não é um recapeamento da pista. A operação visa deixar a BR com melhor trafegabilidade, para que o trânsito possa fluir com mais rapidez e segurança”, acrescenta Kléber Menezes.

O trabalho emergencial para o verão engloba o trecho da BR-316 que foi cedido pelo governo federal ao Estado, em novembro do ano passado, para obras do ‘Ação Metrópole’, projeto mais abrangente que inclui obras de ampliação das pistas, construção de terminais rodoviários e a criação do BRT Metropolitano, para desafogar o trânsito e diminuir os transtornos a motoristas, passageiros e pedestres na saída da cidade. Esses serviços ainda estão em processo licitatório.
Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

‘Avião Solidário’ transporta três primatas entre Manaus e São Paulo para reprodução e conservação da espécie

Macacos viviam ilegalmente como animais de estimação e após resgate estavam sob cuidados do Centro de Triagem (CETAS) - IBAMA de Manaus (AM).

Leia também

Publicidade