Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Terça, 27 Outubro 2020

Programa Amazônia Up recebe inscrições até esta quinta (15) de empreendedores da floresta para modelos de negócios

As inscrições para o programa Amazônia Up, quem tem como objetivo ampliar o empreendedorismo de jovens em negócios sustentáveis na Amazônia, estão com as inscrições abertas até esta quinta-feira, 15.

O programa quer aumentar os negócios sustentáveis, com inovação, agregação de valor e baixo carbono. Tem como perfil ampliar o empreendedorismo dos jovens em negócios sustentáveis, aproximando empreendedores, empresas, investidores, instituições de ensino e pesquisa, instituições de crédito e outros.

Para se inscrever, é necessário que o candidato acesse o site centroamazonia.org.br/amazoniaup/ para preencher um formulário. O resultado da seleção será no dia 28 de outubro.

A divulgação dos selecionados será no dia 29 de outubro, com 22 projetos para um processo de trocas e conversas em torno de ideias que promovam negócios economicamente viáveis com a floresta em pé.

A iniciativa tem a fase de inscrições e a seleção, que se estendem até o fim de outubro, quando iniciam a fase de transformação. Os selecionados participam de uma pré-aceleração de suas ideias de negócios, com mentorias específicas em parceria com entidades como o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e a aceleradora Amazônia B. Serão até 80 horas de conteúdo, incluindo lives dos grupos, dentro de até dois meses de programação.

"O Amazônia Up é um programa de pré-aceleração de ideias de negócios com foco em floresta e biodiversidade, e as melhores ideias passam por uma bateria de mentorias e workshops para que se tornem modelos de negócios validados, com protótipos prontos para se tornarem uma empresa", explica Raphael Medeiros, diretor executivo da entidade. Como resultado dessa troca, o programa prevê para finalização do ciclo o Demo Day, que é o momento de apresentação dos modelos de negócios validados para o ecossistema de empreendedorismo sustentável na Amazônia.

O programa está na quarta edição. Em 2017 foram pré-aceleradas 10 ideias, em 2018 foram 13 projetos, e no ano passado 17, envolvendo mais de 150 empreendedores e um público de mais de 500 pessoas nos eventos de apresentação das startups e seus protótipos.

Veja mais notícias sobre AmazonasAmazôniaSustentabilidade.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 27 Outubro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/