Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Segunda, 14 Junho 2021

No Dia do Islamismo, conheça as mesquitas da Amazônia

Uma das maiores religiões do mundo, o Islamismo tem, segundo estimativas, mais de 1,5 milhão de adeptos no Brasil. Nesta quarta-feira (12), data que marca do Dia do Islamismo, o Portal Amazônia relembra a presença da comunidade árabe na Amazônia e traz algumas imagens das maiores mesquitas da região.

Segundo historiadores, os primeiros registros de árabes na região amazônica se dão na segunda metade do século XIX. Grande parte dos muçulmanos atuais são descendentes de imigrantes sírios e libaneses, que fixaram residência no país durante a Primeira Guerra Mundial.

Práticas e costumes 

As práticas do Islã é baseada nos cinco pilares, que um muçulmano deve colocar em prática e tornar sua fé completa. São eles: Shahada, que é a declaração de fé, seguido do Salat, que são as orações diárias, depois o Zkat que é praticar a caridade aos mais necessitados, o quarto é o Saum, jejum durante o Ramadan, e o Haji que é a peregrinação para a cidade sagrada de Meca.

Normalmente, a mesquita é aberta cinco vezes ao dia para a prática do "Salat". Para os muçulmanos que seguem à risca os princípios do islamismo, devendo ser cumprido, ao amanhecer, ao meio dia, no meio e final da tarde e à noite, como forma de professar a fé em Allah e delinear o tom do dia.

Como a mesquita é a casa sagrada dos muçulmanos, no qual eles recriam a presença divina na terra, é importante que o visitante ofereça à mesquita o mesmo nível de reverência que daria em qualquer outro lugar de adoração, mas adicione os comportamentos necessários e o estilo da roupa ao adentrar ao espaço. 

Manaus 

Inaugurada em 2012, a mesquita do Amazonas é também a primeira mesquita da região Norte, construída com doações da comunidade islâmica de Manaus. Além de funcionar para a realização das cinco orações diárias obrigatórias, a mesquita também fica aberta ao público para visitações. 

Seguindo a arquitetura tradicional islâmica que dá vazão aos espaços interiores, a estrutura da mesquita, onde também funciona o Centro Islâmico do Amazonas, recebe o mesmo estilo das demais obras muçulmanas. Suas duas torres brancas com cúpulas nas pontas se destacam, à distância, no Centro da cidade.

A Mesquita fica localizada na rua Ramos Ferreira, 789, no Centro de Manaus.

Cuiabá 

Inaugurada em 1978, a mesquita de Cuiabá se destaca pela arquitetura e chama atenção à distância, com a sua torre, vinda da Arábia Saudita, que pode ser vista em diferentes pontos da cidade. 

No seu interior, desenhos pintados à mão permeiam todo o seu em torno com as escrituras sagradas do Alcorão. No chão, tapetes requintados dão conforto aos fiéis em suas orações. 

O local é aberto à visitação pública, porém é necessário seguir e respeitar as normas da cultura islâmica, como deixar os sapatos na entrada do templo. Além disso, mulheres receberão um véu para cobrir os cabelos e ombros. Também é necessário usar roupas abaixo dos joelhos para poder entrar no santuário.

A Mesquita fica localizada na rua Baltazar Navarros, 9, no bairro dos Bandeirantes.

Outras cidades 

A comunidade muçulmana também se organiza em outras cidades da Amazônia em prédios e associações que também funcionam como mesquitas. Saiba onde encontrar um templo islâmico:

Centro Islâmico do Maranhão: R. P, 4, Residencial Terra Livre, São Luiz

Centro Islâmico de Belém: Rua Ferreira Cantão, 534, Bairro Campina, Belém

Mussala de Porto Velho: Av. Calama, 1118, Bairro Olaria, Porto Velho

Veja mais notícias sobre CulturaAmazôniaCidadania.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Segunda, 14 Junho 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/