Cacoal

O nome do município surgiu devido à grande quantidade de cacau nativo na região

Foto: Reprodução

 A vila de Cacoal surgiu na década de 1960, quando foi iniciada a abertura da BR-364, mas a denominação da região existe desde o tempo de Marechal Rondon. Ele teria recomendado ao guarda-fio Anízio Serrão que construísse uma casa e requeresse o local próximo à margem do rio Machado, onde havia notado grande quantidade de cacau nativo. Serrão requereu o local para si em 1912, chamando-o de Cacoal.

Em 1960, o seringueiro e garimpeiro José Cassimiro Lopes construiu um barraco no lado esquerdo da rodovia, onde permaneceu até o início da década de 1970. Foi quando se intensificaram os trabalhos de abertura da estrada. Grandes lamaçais apareciam no inverno e motoristas impedidos de prosseguir viagem esperavam na casa do seringueiro. Depois começaram a construir palhoças, onde colocaram as mercadorias que levavam à venda para evitar que estragassem.

Formação Administrativa

Elevado à categoria de município e distrito com a denominação de Cacoal, pela Lei Federal n.º 6.448, de 11-10-1977, desmembrado do município de Porto Velho. Sede no atual distrito de Cacoal. Constituído de 2 distritos: Cacoal e Riozinho, ambos criados pela mesma lei acima citada. Instalado em 26-11-1977.

Em divisão territorial datada de 1-I-1979, o município é constituído de 2 distritos: Cacoal e Riozinho.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2015.

Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Publicidade

Mais acessadas:

A realidade da Reserva Legal na Amazônia e o Projeto de Lei 3334/2023

As Reservas Legais, juntamente com as APPs, desempenham um papel essencial nesse contexto, protegendo a vegetação nativa e garantindo acesso aos benefícios proporcionados pelos ecossistemas.
Publicidade

Leia também

Publicidade