Manaus 30º • Nublado
Sexta, 09 Dezembro 2022

Estação das Docas

Foto: Divulgação

Inaugurada em 13 de maio de 2000, a Estação das Docas é um dos complexos turísticos que mais refletem a região amazônica. Referência nacional, o espaço congrega gastronomia, cultura, moda e eventos nos 500 metros de orla fluvial do antigo porto de Belém.

São 32 mil metros quadrados divididos em três armazéns e um terminal de passageiros. O armazém 1 foi batizado de Boulevard das Artes, o armazém 2 passou a ser o Boulevard da Gastronomia e o Armazém 3 é conhecido como Boulevard das Feiras e Exposições.

O complexo possui ainda, o Teatro Maria Sylvia Nunes e o anfiteatro do Forte de São Pedro Nolasco. O local é um dos cartões postais mais visitados do Estado e recebe em média um milhão e meio de visitantes ao ano.

Detalhes históricos

Os Boulevares foram resultado de um cuidadoso trabalho de restauração dos armazéns do porto da capital paraense. Os três galpões de ferro inglês são um exemplo da arquitetura característica da segunda metade do século XIX.

As ruínas do Forte de São Pedro Nolasco, onde foi construído um Anfiteatro, foram originalmente construídas para a defesa da orla em 1665. O espaço foi destruído após o Movimento da Cabanagem, em 1825, e revitalizado para a inauguração da Estação.

Os guindastes externos, marcas registradas da Estação, foram fabricados nos Estados Unidos, no começo do século 20. Já a máquina a vapor em meados de 1800, fornecia energia para os equipamentos
do porto. 

Cultura 

Teatro, música e dança estão presentes diariamente no complexo turístico. Nos palcos deslizantes, MPB, rock e música paraense são alguns dos ritmos que embalam as tardes e as noites dos visitantes.

Projetos fixos, realizado pela OS Pará 2000, que administra o espaço, fomentam a valorização da cultura local e levam aos turistas e visitantes o melhor da música, teatro e danças regionais.

A Orla do complexo, local onde os visitantes podem apreciar a bela vista para a Baía do Guajará, também é o espaço onde ocorrem apresentações culturais gratuitas como os projetos Pôr do som, cantando na Orla, Rock na Orla, Estação Junina, Estação Natal, Réveillon das Docas e programações especiais. 


Fonte: https://www.estacaodasdocas.com/

Veja mais notícias sobre ParáAmazônia de A à ZE.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 09 Dezembro 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/