Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Sábado, 08 Mai 2021

No Acre, moradores desembolsam R$ 6 mil por título de rua mais bonita da Copa

Moradores da Travessa Primavera, localizada na Baixada da Colina, região do Aviário em Rio Branco, no Acre, sofreram antecipadamente na torcida pela seleção brasileira na Copa do Mundo. Cansados de esperar por uma ajuda do poder público para participar da competição da rua mais bonita da Copa na cidade, moradores tiveram que desembolsar mais de R$ 6 mil e botar a mão na massa para garantir a participação no concurso.

Segundo reportagem publicada no G1 Acre, os torcedores solicitaram da Empresa de Urbanização de Rio Branco (Emurb) a manutenção do local. Pedido que não foi atendido. Sem a manutenção por parte da prefeitura, as famílias, além de terem que desembolsar a quantia, ainda viram a rua ser desclassificada no concurso.
Foto:Reprodução/Rede Amazônica
"Perdemos muito tempo porque ficamos esperando o poder público para, pelo menos, limpar, tinha muito buraco. Estava destruída, ficamos esperando asfaltarem e, como não vieram, a gente mesmo fez. A gente capinou a rua toda, limpamos, fizemos as calçadas, ganhamos refletores para iluminar a rua porque é muito escura, estamos fazendo todo tipo de coisa", explicou estudante Alexandre Maia, um dos moradores que participaram do mutirão para enfeitar a rua. Ao todo, 14 famílias moram no local.
Foto:Reprodução/Rede Amazônica
Após ganhar as ganhar cores do Brasil, bandeiras, desenhos e muito colorido nas fachadas das casas, calçadas a Travessa Primavera só retornaram para o concurso após outra rua desistir da competição. Com isso, os moradores tiveram que improvisar para cobrir os buracos da rua com desenhos. Além disso, postes ganharam novas luminárias.

O esforço valeu a pena e a travessa já está em segundo lugar no concurso. Maia, no entanto, cobra maior apoio da prefeitura e cobra serviços básicos de manutenção.
Foto:Reprodução/Rede Amazônica
"Não vieram tapar os buracos e pintamos por cima mesmo. Não fazem a parte deles e o descaso continua. O concurso visa isso, juntar a comunidade para fazer o bem para própria comunidade e foi o que fizemos. Não tinha calçada e a rua ganhou a calçada nova. Tinha lixo, ratos e tudo que não prestava. A prefeitura e órgãos competentes não visam isso, então, não fazem a parte deles, que estão no concurso", lamentou.

Ao G1, o diretor-presidente da Emurb, Marco Antônio Rodrigues, explicou que a empresa não teve tempo hábil para realizar a manutenção de todas as ruas inscritas na competição, uma vez que foi avisada do concurso em cima da hora. Além disso, Rodrigues justificou que as equipes estão empenhadas na manutenção dos corredores de ônibus.

"Não tínhamos tempo suficiente para colocar todas as ruas em igualdade e condições. Não tinha orçamento específico para isso. Houve uma demora por parte da organização, talvez, se tivessem feito a solicitação um pouco antes teríamos condições de avaliar e ver o impacto disso dentro do orçamento. Apenas algumas ruas fizeram a solicitação, me parecem que eram 20", afirmou.

FAB abre mais de 100 vagas para médicos

A Força Aérea Brasileira (FAB) lançou, na última quarta-feira (09), o edital para o Exame de Admissão do Curso de Adaptação de Médicos da Aeronáutica (CAMAR) do ano de 2019. As inscrições estão disponíveis desde 14 de maio, e seguem até 12 de junho. A taxa é de R$ 130,00.

Ao total, são 104 para diversas especialidades, como Médico de Família e Comunidade, Pediatria e Otorrinolaringologia, distribuídas em todas as regiões do Brasil.

Para participar do exame de admissão, os candidatos não podem completar 36 anos até o dia 31 de dezembro de 2019.

O processo seletivo é composto por prova escrita (língua portuguesa e conhecimentos especializados), inspeção de saúde, exame de aptidão psicológica, teste de avaliação do condicionamento físico, prova prático-oral e validação documental. As provas escritas ocorrerão no dia 29 de julho.

Se aprovado em todas as etapas dentro do número de vagas, o candidato fará o curso no Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica (CIAAR), em Minas Gerais, durante aproximadamente 17 semanas. Após a conclusão do curso com aproveitamento, o aluno será nomeado Primeiro-Tenente do Quadro de Oficiais Médicos da Aeronáutica.

Leia o edital completo

Link de inscrições

Mais informações: www2.fab.mil.br/ciaar

Marinha abre vagas para engenheiros com salários de R$ 11 mil

Foto:Divulgação/Marinha
Estão abertas até o dia 16 as inscrições para o Concurso do Corpo de Engenheiros da Marinha. São 64 vagas para candidatos de ambos os sexos, que tenham menos de 36 anos até o dia 01/01/19, e que já tenham concluído o curso ou estejam em fase de conclusão.

A inscrição é feita no site www.marinha.mil.br/ensino, onde também poderá ser encontrado o edital, com todas as informações. O valor da taxa é de R$ 120.

As oportunidades são para Arquitetura e Urbanismo (2), Engenharia Cartográfica (3), Engenharia Civil (4), Engenharia de armamento (1), Engenharia de Materiais (2), Engenharia de Produção (4), Engenharia de Sistemas de Computação (4), Engenharia de Telecomunicações (3), Engenharia Elétrica (10), Engenharia Eletrônica (7), Engenharia Mecânica (9), Engenharia Mecatrônica (3), Engenharia Naval (5), Engenharia Nuclear (4) e Engenharia Química (3).

Os aprovados em todas as etapas farão o Curso de Formação de Oficiais (CFO) no Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), na cidade do Rio de Janeiro.

Ao serem aprovados, no final de 2019, os militares serão nomeados Oficiais da Marinha do Brasil no posto de Primeiro-Tenente e passarão a receber rendimentos brutos inicias de cerca de R$ 11 mil, além de diversos benefícios, tais como alimentação, alojamento, auxílio-fardamento e assistência médico-odontológica.

Marinha abre concurso com 36 vagas nesta segunda-feira

A Marinha abre nesta segunda-feira (2) o concurso para 36 vagas para admissão no Curso de Formação de Sargentos Músicos do Corpo de Fuzileiros Navais para 2019. As inscrições podem ser feitas até o dia 30 de abril através do site da instituição. A taxa de inscrição é de R$ 60.

As oportunidades serão distribuídas entre os seguintes naipes: clarinete em sib (3), saxofone alto em mib (5), saxofone tenor em sib (4), trompete em sib (6), trompa em fá (2), trombone tenor em dó (4), euphonium em dó/bombardino (2), tuba em sib/mib (3), percussão (bateria completa) (5), baixo acústico (1) e harpa (1).

O curso de formação serrá no Centro de Instrução Almirante Sylvio de Camargo (Ciasc), no Rio de Janeiro. O curso terá duração de, aproximadamente, 18 semanas.

O candidato deve ter no mínimo 18 e no máximo 24 anos de idade em 1º de janeiro de 2019, ter concluído o ensino médio ou curso equivalente, ter altura mínima de 1,54m e máxima de 2m (ambos os sexos) e possuir registro no Cadastro de Pessoas Físicas (CPF).

O concurso terá exame de escolaridade, prova prática de música, verificação de dados biográficos, inspeção de saúde, teste de suficiência física, exame psicológico e verificação de documentos. O exame de escolaridade será no dia 30 de junho e o início do curso está previsto para 7 de janeiro de 2019 e o término para 7 de junho de 2019.

Exército abre, nesta quarta-feira, concurso com 1,1 mil vagas para sargentos

Foto:Divulgação
O Exército Brasileiro abre, nesta quarta-feira (28), as inscrições para concurso público que vai selecionar 1,1 mil aprovados para o curso de formação de sargentos. As inscrições vão até o dia 20 de abril. Os cursos são das áreas geral/aviação, música e saúde, e terão duração de fevereiro de 2019 a dezembro de 2020.

Na área geral/aviação, são 910 vagas para homens e 100 para mulheres. Já os números para as áreas de música e de saúde são 30 e 60, respectivamente.

Para se candidatar, é preciso ser brasileiro e ter concluído o ensino médio até o encerramento do concurso de admissão. Para as vagas na área geral/aviação, é necessário ter entre 17 e 24 anos. Para música e saúde, a idade máxima sobe para 26 anos.

Na área de música, os candidatos precisam comprovar habilidade específica. Na de saúde, é necessário ter concluído curso técnico em enfermagem até a data de apresentação e possuir registro no Conselho Regional de Enfermagem (Coren).

Os candidatos devem se inscrever através do site da Escola de Sargentos das Armas (ESA). Também é possível pedir, por telefone, que a ESA envie a ficha pelo correio. É preciso ainda pagar uma taxa de inscrição de R$ 95.

Concurso do BASA oferce cargos com remuneração inicial de até R$ 4,1 mil

Foi publicado nesta terça-feira (27) no Diário Oficial da União edital do concurso público do Banco da Amazônia (Basa). Ao todo, são oferecidas 46 vagas imediatas e mais 505 para formação de cadastro de reserva, em cargos são de nível médio e superior.

O cargo de nível médio oferecido é para técnico bancário, com remuneração de inicial de R$ 2.380,82. Já para nível superior, as vagas são para técnico científico nas áreas de medicina do trabalho e tecnologia da informação, com remuneração inicial em R$ 2.829,75. Há ainda os benefícios que podem elevar o salário para mais de R$ 4,1 mil.

As inscrições poderão ser feitas entre os dias 27 de fevereiro e 19 de março pelo site da Fundação Cesgranrio, organizadora do certame. A taxa de inscrição custa R$ 62 para o cargo de nível médio e de R$ 80 para o de nível superior.

As provas objetivas para todos os cargos serão aplicadas no dia 29 de abril, nas cidades de Belém (PA), Boa Vista (RR), Cuiabá (MT), Macapá (AP), Manaus (AM), Palmas (TO), Porto Velho (RO), Rio Branco (AC), Santarém (PA) e São Luís (MA).

Confira aqui o Edital.


Concurso Banco da Amazônia S.A.
Banca organizadora: Fundação Cesgranrio
Cargos: Técnico bancário e cientifico 
Escolaridade: Nível médio e superior 
Número de vagas: 46 + CR de 505
Remuneração: Inicial de até R$ 4,1 mil
Inscrições: Entre 27 de fevereiro e 19 de março de 2018
Taxa de inscrição: R$ 80 ou R$ 62
Data da prova objetiva: 29 de abril de 2018

Amazônia é tema de concurso de fotografias

Foto:Reprodução/Shutterstock
Estão abertas até o dia 25 de fevereiro as inscrições para o Primeiro Concurso Regional de Fotografia do Bioma Amazônico. Interessados podem participar com imagens das áreas protegidas da Amazônia na Bolívia, Brasil, Colômbia, Equador, Guiana, Peru, Suriname, Venezuela e Guiana Francesa. O território abriga mais de 10% da biodiversidade do planeta e cerca de 400 povos indígenas.

A iniciativa é da Rede Latino-Americana de Cooperação Técnica em Parques Nacionais, outras Áreas Protegidas, Fauna e Flora Silvestres (Redparques) e do Projeto Integração das Áreas Protegidas do Bioma Amazônico (IAPA). O objetivo é encorajar as comunidades e funcionários desses lugares para documentar a biodiversidade, os modos de vida e os desafios que o bioma enfrenta hoje.

Podem participar homens e mulheres com mais de 18 anos com algum vínculo empregatício, territorial, acadêmico ou de outra natureza com as áreas protegidas do bioma amazônico, a exemplo de guardas de parque, brigadistas, guias, administradores, habitantes, vizinhos, professores, cientistas.

De acordo com o edital, as fotografias devem ter sido feitas dentro dos limites das áreas protegidas que fazem parte do bioma amazônico. Os temas propostos são: Meios de vida e cultura; Conservação e uso sustentável do território; Ameaças e desafios; e Biodiversidade.

As fotografias devem ser enviadas em formato JPG ou PNG, com resolução superior a 5 MB, para o endereço: [email protected] Cada participante pode enviar, no máximo, duas fotos por assunto.

O autor da melhor imagem será premiado com viagem para uma área protegida fora do país de origem; o segundo receberá um reconhecimento especial. Cerca de 20 fotografias (o número pode variar conforme avaliação do júri) farão parte de publicação especial do Projeto IAPA.

Projeto IAPA

O Projeto Integração das Áreas Protegidas do Bioma Amazônico, a SIP - Visão Amazônica é financiado pela União Européia, coordenado pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) e implementado em conjunto com o WWF, a União Internacional para a Conservação da Natureza - UICN, Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente - Ambiente da ONU e Redparques.

Com os oito países (Bolívia, Brasil, Colômbia, Equador, Guiana, Peru, Suriname e Venezuela) e o território franco-guianense que compartilha o bioma Amazônia, o projeto trabalha em diferentes componentes, como governança, conservação e gestão efetiva de áreas protegidas, questões importantes para gerar redes de trabalho e estratégias no nível de bioma que permitem protegê-la e minimizar o impacto da ação climática. No Brasil, as ações ocorrem com apoio do governo federal.
Acesse o edital

Transpetro abre inscrições para concurso com vagas de até R$ 10,7 mil

A Petrobras Transporte S.A. (Transpetro) abre inscrições para concurso público para provimento de 1.806 vagas, sendo 156 imediatas e 1.650 para formação de cadastro de reserva, em cargos de nível médio e superior.

Os salários vão de R$ 3.745,32 a R$ 10.726,45. Entre as oportunidades para nível médio/técnico estão técnico ambiental júnior, técnico de administração e controle júnior, técnico de faixa de dutos júnior, técnico de manutenção júnior – automação, técnico de manutenção júnior – elétrica, técnico de manutenção júnior – mecânica, e técnico de operação júnior.

Os interessados em concorrer a uma das vagas poderão se inscrever até o dia 07 de março de 2018, no endereço eletrônico oficial da organizadora do concurso (www.cesgranrio.org.br). A taxa de inscrição custará R$47,00 para nível médio e técnico e R$67,00 para nível superior.

Confira o edital aqui.

Os profissionais atuarão no Amazonas, Bahia, Brasília, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Paraná,Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.

Oportunidade no AM: Petrobrás abre concurso com salários de até R$ 10 mil

Foi aberto nesta quinta-feira (8) o edital de concurso público da Petrobras, para preenchimento imediato de 111 vagas para início imediato e outras 555 para cadastro de reserva para a . Ao todo, são disponibilizadas 666 vagas, entre os níveis médio/técnico e superior.

As vagas para o ensino médio incluem cargos de técnico em administração e controle júnior. Já as vagas de nível superior contemplam diferentes cargos, incluindo engenheiros e geólogos, e com salários que variam entre R$ 3.745 e R$ 10.726.

No Amazonas, há oportunidades de trabalhos em Manaus e em Coari. No estado, há uma vaga de início imediato para o cargo de Enfermeiro do Trabalho Júnior. Outras cinco vagas do mesmo cargo serão disponibilizadas para cadastro de reserva. O salário básico é de R$ 5.894,54 com garantia de remuneração mínima de R$ 9.955,44.

As inscrições pode ser feitas até as 23h59 (horário de Brasília) do dia 05 de março, pelo site da Fundação Cesgranrio, organizadora do Certame. As taxas de inscrição variam entre R$ 47 (nível médio) e R$ 67 (nível superior). O candidato terá que informar para qual localidade de posto de trabalho pretende disputar vaga.

O resultado final será publicado no Diário Oficial da União (DOU) e divulgado nos sites da Cesgrario e Petrobras. Os resultados serão homologados no dia 28 de junho de 2018.

A temida prova

Estão vivos em nossa memória os absurdos que, em outros tempos, se cometiam nas provas de concursos públicos, em nosso país. Nelas, nada havia o que pudéssemos definir como politicamente correto, pois, na verdade, eram arapucas apelidadas de provas.

Muitos candidatos, coitados, preparavam-se à exaustão para a maratona de Português e Matemática, davam-se bem nas duas disciplinas, e depois morriam na praia. É que um bicho-papão, assustador e indomável, já os espreitava de longe, pronto para sugar-lhes os pescoços. Era a temida prova de datilografia, capaz de humilhar o mais competente dos candidatos, dado o natural nervosismo do momento.

Foto:Reprodução
É fácil avaliar a estupidez do esquema então em voga. Ora, se o concorrente vencera etapas difíceis nas duas provas consideradas pesos pesados, é porque possuía razoável bagagem de conhecimento específicos. Além disso, como exigir datilografia como prova eliminatória, se uma percentagem ínfima dos aprovados seria escalada para esse setor?

Mas ninguém reclamava, ninguém protestava; alguns até achavam aquela trapalhada um charme... Já imaginaram quantos talentos tiveram sufocados seus projetos de vida profissional por obra e graça desse desqualificado sistema? E quantas boas cabeças o serviço público terá perdido?

Quanto à prova de Língua Portuguesa, propunham-se questões que hoje soariam como verdadeiras piadas. Ficaram para a posteridade algumas charadas de pontuação, lúdicas e chamativas, a exemplo do hilariante um fazendeiro tinha um bezerro e a mãe do fazendeiro era também o pai do bezerro , ou do não menos terrível Maria sua mãe grita ela traga-me a toalha.

Extravagâncias desse calibre, aliadas à pífia exigência de se saber o gentílico de Quebec, Beirute, Jerusalém etc., costumavam pregar uma peça em excelentes candidatos e jogá-los na rua da amargura. Nem tudo estava perdido. Depois, o barco singrou águas serenas até certo tempo, pois nasceu uma lógica para a elaboração das provas. Eis que, desgraçadamente, surgiram as ondas revoltas do contra-senso.

Os conhecimentos linguísticos ficaram à deriva ou foram sumariamente arremessados à praia como excrescências. Instalou-se o império da interpretação/intelecção (êta palavra bonita!) de textos. Examinando gabaritos de concursos, tenho encontrado coisas do arco-da-velha. Nas questões relativas ao texto, não são raras as perguntas capciosas, aquelas que sugerem até três opções corretas.

Também é possível flagrar sandices como: Em que estaria pensando o autor quando, no parágrafo tal, ele afirma que... Vejam só: em que estaria pensando o autor ! Pode haver incoerência maior num teste em que estão empenhados a competência e os conhecimentos de um candidato? E o desentrosamento das unidades exigidas pelo programa das provas? E as agressões ao português... no programa de Português?...

Abin encerra as inscrições para 300 vagas nesta quarta-feira

A Agência Brasileira de Inteligência (Abin) encerra nesta quarta-feira (31) as inscrições do concurso para 300 vagas em cargos de nível médio e superior. Os salários vão de R$ 6.302,23 a R$ 16.620,46.

Os cargos de nível superior são de oficial de inteligência (220 vagas) e oficial técnico de inteligência (60 vagas). O cargo de oficial de inteligência é para graduações em qualquer área de formação.

O cargo de oficial técnico de inteligência é para graduações em administração, em economia ou contabilidade; direito; psicologia; pedagogia; engenharia civil; engenharia eletrônica ou engenharia elétrica; matemática ou estatística; tecnologia da informação ou engenharia, com ênfase em tecnologia da informação; arquivologia ou biblioteconomia.

O cargo de nível médio é de agente de inteligência (20 vagas) - esse cargo oferece suporte especializado às atividades decorrentes das atribuições do oficial de inteligência.

As inscrições devem ser feitas pelo site. As taxas vão de R$ 190 a R$ 230.

Estão previstas objetivas de conhecimentos gerais e específicos, prova discursiva, prova de capacidade física (somente para os cargos de oficial de inteligência e de agente de inteligência), avaliação médica, investigação social e funcional e avaliação psicológica, a serem realizadas nas 26 capitais estaduais e no Distrito Federal. A última etapa será o Curso de Formação em Inteligência, na Escola de Inteligência da Abin. As provas objetiva e discursiva serão realizadas em 11 de março.

STJ divulga edital de concurso com salários de até R$ 13,6 mil

O Superior Tribunal de Justiça publicou nesta terça-feira(16) no Diário Oficial da União, edital de concurso público, com vagas para técnicos e analistas de várias especialidades.

Há oportunidades para candidatos nos níveis médio, médio/técnico e superior. Os salários variam  de R$7.592 e R$13.626,13. O regime de contratação é estatuário.

A seleção terá cinco vagas e as demais serão para cadastro de reserva. O prazo de validade do concurso é de dois anos e e pode ser prorrogado por mais dois anos. As cinco vagas são destinadas para o cargo de oficial de justiça, para graduados em Direito e salários de R$13.626,13. Para os demais cargos, será formado um cadastro de reserva.

PM do Tocantins oferece cursos de formação com bolsas de até R$ 4, 5 mil

Foram abertas nesta terça-feira (9) as inscrições para concursos da Polícia Militar do Tocantins, para o provimento de 1.000 vagas para soldados e 40 para oficiais. O subsídio inicial durante o Curso de Formação de Oficiais é de R$ 4.499,52 e para o Curso de Formação de Soldados é de R$ 2.215,10.
Foto:Divulgação/PM-TO 
As inscrições poderão ser feitas a partir desta terça, 9, exclusivamente pela internet, no site da banca organizadora do certame: www.aocp.com.br.

Confira os editais para o provimento de vagas para soldados e para oficiais.

A primeira etapa de provas será realizada no dia 11 de março, sendo no período matutino para oficiais e vespertino para soldados. As provas serão realizadas nas cidades de Araguatins, Arraias, Araguaína, Gurupi e Palmas.

Os inscritos devem ter idade mínima de 18 anos e máxima de até 30 anos, na data de inscrição; altura mínima de 1,63m para homens e 1,60m para mulheres; carteira de habilitação a partir da categoria B; além de outros requisitos previstos no edital.

Conforme o presidente da comissão de concurso da PM, coronel Marcelo Falcão Soares, o concurso da Polícia Militar “está sendo realizado dentro dos preceitos legais e jurídicos e com a lisura que a comunidade almeja de um certame tão esperado e que irá acrescentar um grande número de policiais militares às fileiras da nossa honrosa corporação”, ressaltou.

Inscrições

Conforme o edital, as inscrições abrem nesta terça-feira, 9, e serão encerradas às 14 horas do dia 9 de fevereiro. O valor da inscrição para o concurso de soldado, que exige nível médio, é de R$ 80. Já para o de oficial da PM, que requer curso superior, é de R$ 120. Para a isenção da taxa o candidato deve preencher o formulário específico pelo site, conforme previsto no edital, no período de 9 a 15 de janeiro.

O concurso será composto por cinco etapas: prova intelectual, exame de capacidade física, avaliação psicológica, avaliação médica e odontológica, e investigação social.

Provas

As provas intelectuais serão objetivas, de múltipla escolha, dissertativa, e terão o seguinte conteúdo: língua portuguesa, raciocínio lógico e matemática, atualidades e conhecimentos regionais, noções de direito, noções de informática, normas pertinentes à PM. Em caráter discursivo, a redação. No total, serão 60 questões que somarão 100 pontos.

Para soldado, o candidato deverá obter o mínimo de 50% de acerto, tendo pelo menos um ponto em cada disciplina; já na de oficial, a pontuação mínima será de 60% de acerto, tendo pelo menos um ponto em cada disciplina para ser aprovado para a segunda etapa do certame.

Segundo o comandante geral da PM, coronel Edvan de Jesus da Silva, esse é um processo seletivo de grande importância para a corporação, uma vez que irá agregar 1.040 novos policiais militares ao quadro ativo da PM, fruto de um esforço administrativo do Governo do Estado. “Este é o maior concurso de provimento já realizado pela corporação, no qual novos soldados e oficiais serão distribuídos em todo o Estado, e consequentemente, irão contribuir para a eficiência do serviço prestado pela Polícia Militar à comunidade”, enfatizou o comandante.

Amazon Sat abre inscrições para concurso de fantasia

A Amazônia já está em clima de Carnaval. E para aproveitar a folia, o Amazon Sat preparou uma surpresa para os internautas, a primeira edição do 'Concurso de Fantasias', que vai premiar a pessoa mais criativa da região. As inscrições começam nesta quarta-feira, (10), e seguem até o dia 31 de janeiro. Além do Amazonas, poderão participar moradores do Acre, Rondônia, Roraima e Amapá. 

Os interessados em participar do 'Concurso de Fantasias do Amazon Sat' devem mostrar suas fantasias em um vídeo de 30 segundos, publicar na sua página pessoal do Facebook ou Instagram com a #carnavalamazonico. A divulgação do vencedor será feita no dia 7 de fevereiro, e o selecionado ganhará um troféu personalizado. A fantasia vencedora será escolhida por júri popular, através de likes nos vídeos.
Foto: Reprodução/Shutterstock

O prêmio será disponibilizado ao ganhador (se o mesmo for residente em Manaus) no programa Estúdio Sat. Se o ganhador não for da capital do Amazonas, será remetido pelos Correios através de encomenda simples registrada, no prazo de até 60 dias, a contar a data de divulgação. 

Regras

Os participantes cederão seus nomes e imagens utilizadas no concurso, sem nenhum ônus à pessoa jurídica promotora, por prazo indeterminado. Os vídeos deverão ser de autoria do participante (responsável legal), que desde já assume toda responsabilidade pela divulgação da imagem não autorizada de terceiros, respondendo exclusivamente pelos danos, na forma da legislação civil.

Serão sumariamente desclassificados os vídeos que não atendam a quaisquer das exigências de participação previstas no regulamento do concurso. Em casos de dúvidas ou reclamações, os participantes deverão encaminhar um e-mail para [email protected]

Abin abre concurso com salários de até R$ 16.620; confira o edital

Foto:Reprodução/ABIN
Agência Brasileira de Inteligência (Abin) divulgou o edital do concurso com 300 vagas de níveis médio e superior. Os salários vão de R$ 6.302,23 a R$ 16.620,46. A maioria das chances será para atuação em Brasília, mas há cargos em que a lotação poderá ser em qualquer unidade da Federação.

São 20 oportunidades no cargo de agente de inteligência, que exige nível médio e oferece remuneração de R$ 6.302,23.

No nível superior, há 60 chances para Oficial Técnico de Inteligência, com salário de R$ 15.312,74; e 220 oportunidades para Oficial de Inteligência, com salário de R$ 16.620,46.

As inscrições estarão abertas pelo site do Cespe/UnB, das 10h do dia 9 de janeiro às 18h do dia 30 de janeiro. A taxa de participação será de R$ 190 para Agente de Inteligência, R$ 210 para Oficial Técnico de Inteligência e R$ 230 para Oficial de Inteligência.

Os candidatos serão avaliados por meio de provas objetivas e discursivas de conhecimentos gerais e específicos, além de avaliações médica, psicológica, física. Por fim, será realizada uma investigação social e funcional. Quem for aprovado nas etapas irá para a última fase, o Curso de formação de inteligência, que será eliminatório e classificatório.

A Agência Brasileira de Inteligência (ABIN) é o órgão de Inteligência de Estado do Brasil. A finalidade deste serviço de inteligência é assessorar o presidente da República nas questões de interesse do Estado e da sociedade e, para isso, produz relatórios com conhecimentos estratégicos sobre ameaças e potencialidades para o país, tanto internas quanto externas.

Cerca de 200 médicos disputam 39 vagas para Residência Médica em Porto Velho

Cerca de 200 médicos recém formados de todo o País vão disputar 39 vagas abertas pelo Governo de Rondônia para residência médica no Hospital de Base Ary Pinheiro (HB), em Porto Velho. O centro médico é referência no tratamento de alta complexidade no Estado. Provas do processo seletivo serão realizadas na Escola Carmela Dutra, dia 7 de janeiro.

Inscrições do concurso da Susipe é transferido para janeiro

Devido ao não funcionamento dos bancos para o público nesta sexta-feira, (29), a abertura das inscrições ao concurso público da Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará (Susipe), que seria hoje foi transferido para o dia 5 de janeiro de 2018 (sexta-feira). O certame oferece vagas para cargos de nível médio e superior.

As inscrições poderão ser feitas de 5 de janeiro a 5 de fevereiro, pelo site www.aocp.com.br, com taxas no valor de R$ 69,00 para agente prisional e demais cargos de nível médio, e R$ 70,00 para os cargos de nível superior.
Foto: Divulgação

A Susipe oferece 969 vagas, sendo 500 para agente prisional, 202 para nível superior e 267 vagas para nível médio, dando continuidade à política de renovação do quadro efetivo de servidores da área de segurança do Estado.

Nível de escolaridade

A antiga Lei n° 6.688/2004 exigia apenas nível médio para o cargo de agente prisional, mas a Lei nº 8.322/2015 passou a exigir cursos de capacitação e qualificação, entre outros critérios, para assumir o cargo. Publicada em dezembro de 2015 no Diário Oficial do Estado, a lei foi reelaborada em 2011, com a finalidade de modernizar o sistema penitenciário.

O texto original, ainda na forma do Projeto de Lei nº 272/15, apresentado à Assembleia Legislativa do Estado, foi aprovado por unanimidade. Com isso, após a realização do concurso, todos os agentes prisionais no Pará terão porte de arma e passarão a ser responsáveis pela segurança das unidades prisionais. O candidato que optar pela carreira de agente prisional deverá ter nível médio completo. A remuneração inicial bruta é de R$ 2.435,10.

O certame para agente penitenciário será realizado em duas fases. A primeira será composta de provas objetiva e discursiva, avaliação psicológica, exame médico, exame de aptidão física e investigação de antecedentes criminais. A segunda fase será constituída de Curso de Formação Profissional (de caráter eliminatório e classificatório) ministrado no Instituto de Ensino de Segurança do Pará (Iesp), com carga horária mínima de 300 horas. A previsão de realização das provas objetiva e discursiva é 11 de março de 2018.

Nível superior

As vagas para nível superior incluem os cargos de técnico de administração e finanças (áreas de Administração, Biblioteconomia, Estatística e Ciências Contábeis); técnico em gestão penitenciária (áreas de Biomedicina, Enfermagem, Medicina, Medicina Psiquiátrica, Odontologia, Pedagogia - especialidade em Educação, Psicologia e Serviço Social); técnico em gestão de infraestrutura (áreas de Arquitetura, Engenharia Civil e Engenharia Elétrica); engenheiro de segurança do trabalho e técnico em gestão de informática.

A remuneração inicial bruta para os cargos de nível superior é de R$ 3.636,72. Já os cargos de assistente administrativo, assistente de informática, eletricista e técnico em enfermagem também exigirão dos candidatos nível médio completo, com remuneração inicial de R$ 1.599,20.

Quem concorrer a uma vaga de nível superior ou de nível médio fará o certame em duas fases, com provas objetiva e discursiva, avaliação psicológica, exame médico, exame de aptidão física e investigação de antecedentes criminais, além de prova de títulos para os cargos de nível superior. A segunda fase será constituída do Curso de Formação Profissional (de caráter eliminatório e classificatório), também realizado no Iesp, com carga horária mínima de 200 horas para nível superior e 160 horas para nível médio. A previsão de realização das provas objetiva e discursiva é 18 de março de 2018.

As provas serão aplicadas nas cidades de Belém, Castanhal, Marabá, Santarém, Itaituba e Altamira. Para se inscrever, o candidato deve ser brasileiro, com idade mínima de 18 anos, ter concluído os ensinos Superior ou Médio até a data de matrícula, estar em dia com as obrigações eleitorais e militares (para os homens), gozar de saúde física e mental, e não ter antecedentes criminais.

Agência de Desenvolvimento de Roraima lança concurso com 17 vagas

A Agência de Desenvolvimento de Roraima (Desenvolve-RR) divulgou nesta quinta-feira (21), edital de concurso público para o preenchimento de 17 vagas para cargos de nível superior.  A Fundação Ajuri de Apoio ao Desenvolvimento da UFRR foi responsável pela elaboração do edital.


Acesse o edital aqui.


Os salários variam de R$ 2.290 a R$ 2.646, com carga horária de trabalho é de 30h semanais.

Confira a distribuição dos cargos:
Analista administrativo - 5 vagas
Contador - 5 vagas
Analista de marketing - 1 vaga
Advogado - 1 vaga
Analista de sistemas - 2 vagas
Economista - 2 vagas
Agrônomo - 1 vaga

As inscrições poderão ser feitas no período 8 a 31 de janeiro de 2018, exclusivamente pelo site da Ajuri. A taxa de inscrição será de R$ 110.

A primeira fase da seleção vai contar com prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. Já na segunda fase será aplicada avaliação psicológica, com caráter eliminatório. O resultado final do processo será divulgado no dia 15 de maio de 2018.

Concurso público da Susipe oferece mais de 900 vagas

O Governo do Estado, por meio da Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará (Susipe) e da Secretaria de Estado da Administração (Sead), publicou no Diário Oficial desta segunda-feira, 18, dois editais de abertura de concurso público. Um com 202 vagas para cargos de Nível Superior e 267 vagas para os cargos de Nível Médio. E outro com provimento de 500 vagas para o cargo de agente prisional - Nível Médio. A organizadora do certame, já definida por licitação concluída em agosto desse ano, é a AOCP Concursos.

Os editais dos concursos com um total de 969 vagas dão continuidade à política de renovação do quadro efetivo de servidores da área de segurança do Estado. Com os concursos do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar do Estado e Polícia Civil, o Governo do Estado amplia a contratação de efetivos em aproximadamente quatro mil profissionais.

Foto: Divulgação

Alice Viana, secretária de Estado da Administração, explicou que a partir da qualificação da estrutura organizacional da Susipe foi dado um importante passo para realização dos concursos. "O órgão passou a contar com uma Corregedoria mais forte e atuante e uma legislação atualizada. Isso faz com que processo de seleção dos profissionais tenha uma qualificação bem maior, tanto do ponto de vista da realizadora, como do processo de escolha dos candidatos que estarão aptos a ingressar no sistema, inclusive com um curso de formação bem mais amplo e extenso como parte do processo de seleção desses profissionais", ressaltou.

A antiga lei n° 6.688/2004 exigia apenas nível médio do agente prisional, a nova lei de nº 8.322/2015 passou a exigir cursos de capacitação e qualificação, entre outras necessidades para o cargo. Publicada em dezembro de 2015 no DOE, sua elaboração foi iniciada em 2011, com a finalidade de modernizar o sistema penitenciário, já que a lei anterior não abrangia as mudanças ocorridas ao longo dos anos. O texto original, ainda na forma do Projeto de Lei nº 272/15, apresentado à Assembleia Legislativa do Estado (Alepa), foi aprovado por unanimidade pelos  deputados estaduais. 

Com a nova lei, após a realização do concurso, todos os agentes prisionais no Pará terão porte de arma e passarão a ser responsáveis pela segurança das unidades prisionais do Estado.

O candidato que desejar seguir a carreira de agente prisional deverá ter o nível médio completo. O certame será realizado em duas fases. A primeira será composta de provas objetiva e discursiva; avaliação psicológica; exame médico; exame de aptidão física, e investigação de antecedentes criminais. A segunda fase será constituída do Curso de Formação Profissional (de caráter eliminatório e classificatório), no Instituto de Ensino e Segurança do Pará (Iesp), com carga horária mínima prevista de 300 horas. As provas objetiva e discursiva deverão ser realizadas na data provável de 11 de março de 2018. A remuneração inicial bruta para o cargo é de R$ 2.435,10.

As vagas para nível superior incluem os cargos de técnico de administração e finanças (áreas de Administração, Biblioteconomia, Estatística e Ciências Contábeis); Técnico em gestão penitenciária (áreas de Biomedicina, Enfermagem, Medicina, Medicina psiquiátrica, Odontologia, Pedagogia especialidade em Educação, Psicologia e Serviço Social); técnico em gestão de infraestrutura (áreas de Arquitetura, Engenharia Civil e Engenharia Elétrica); engenheiro de segurança do trabalho e técnico em gestão de informática. 

A remuneração inicial bruta para os cargos é de R$ 3.636,72. Já os cargos de assistente administrativo, assistente de informática, eletricista e técnico em enfermagem também exigirão dos candidatos o nível médio completo e terão remuneração inicial de R$ 1.599,20.

Quem concorrer a uma vaga de nível superior ou de nível médio fará o certame em duas fases, sendo composta das provas objetiva e discursiva; avaliação psicológica; exame médico; exame de aptidão física, e investigação de antecedentes criminais e prova de títulos para os cargos de nível superior. A segunda fase será constituída do Curso de Formação Profissional (de caráter eliminatório e classificatório), no Iesp, com carga horária mínima prevista de 200 horas para o nível superior e 160 horas para o nível médio. As provas objetiva e discursiva deverão ser realizadas na data provável de 18 de março de 2018.

Inscrições

As inscrições poderão ser feitas no site www.aocp.com.br, no período de 29 de dezembro de 2017 a 30 de janeiro de 2018, com taxas no valor de R$ 69,00 para os cargos de agente prisional e demais cargos de nível médio e R$ 70,00 para os cargos de nível superior.

As provas serão aplicadas nas cidades de Belém, Castanhal, Marabá, Santarém, Itaituba e Altamira. Para se inscrever no concurso, o candidato deve ser brasileiro com idade mínima de 18 anos; ter concluído os ensinos superior ou médio até a data de matrícula; estar em dia com as obrigações eleitorais e militares (para os homens); gozar de saúde física e mental; e não ter antecedentes criminais. 

Concurso para os níveis médio e superior oferece salários de até R$ 6 mil no AM

Foto:Reprodução/DPEAM
Serão abertas nesta quinta-feira (14), as inscrições para o concurso público para provimento de cargos do Quadro de Servidores Auxiliares da Defensoria Pública do Estado do Amazonas. Ao todo serão destinadas 60 vagas para os níveis superior e médio, com salários iniciais que variam de R$ 3.400,00 a R$ 6.000,00. Além de Manaus, são oferecidas vagas nos municípios de Itacoatiara, Parintins, Tefé e Tabatinga.

As inscrições pode ser feitas exclusivamente pelo site da Fundação Carlos Chagas, organizadora do certame. Os valores das inscrições são de R$ 70,00 para o nível médio e R$ 90 para nível superior. O período de inscrições vai das 10h do dia 14 de dezembro de 2017 às 14h do dia 16 de janeiro de 2018 (horário de Brasília).

O edital e a lista completa de cargos estão disponíveis aqui.