Amazônia registra 147 casos confirmados do novo coronavírus

Nos estados que integram a Amazônia, apenas o Amazonas registrou um óbito

Nesta quinta-feira (26) completa um mês do primeiro caso confirmado do novo coronavírus (covid-19) no Brasil. Durante este período a pandemia produziu 77 mortes, conforme atualização do Ministério da Saúde. A taxa de letalidade é de 2,7%.

Nos estados que integram a Amazônia, apenas o Amazonas registrou um óbito na última terça-feira (24). Na atualização liberada na tarde de hoje, o Ministério da Saúde confirmou que a Amazônia registrou 147 casos do Covid-19.

O Amazonas  lidera o número de pessoas infectadas da região, com 67 casos confirmados. Em seguida vêm o Acre (24), Pará (13), Mato Groso (11), Maranhão (10), Roraima (oito), Tocantins (sete), Rondônia (cinco), e Amapá (dois).

Foto: Reprodução/Shutterstock

Óbito

Na última terça-feira (24), morreu o primeiro paciente com Covid-19 no Amazonas. A vítima era um homem de 49 anos, de Parintins – o primeiro caso confirmado da doença no interior do estado.

Segundo o governo, o paciente era portador de hipertensão arterial sistêmica. Entre os casos confirmados está a viúva do morador de Parintins. De acordo com o governador do Amazonas, Wilson Lima, ela está em isolamento domiciliar na capital e tem quadro estável. 

Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

Camu-camu é usado para enriquecer farinha de mandioca

Desidratados sob diferentes métodos tecnológicos, os resíduos agroindustriais de frutos de camu-camu, adicionados à farinha de mandioca, incrementaram significativamente os produtos finais.

Leia também

Publicidade