Secretário Especial da Saúde Indígena promete liberar mais de R$ 3 milhões para atendimento em Guajará-Mirim

Em visita rápida à Pérola do Mamoré, Marco Antônio Toccolini, prometeu liberar o recurso que já está na conta da secretaria municipal, mediante apresentação de projetos com as demandas.O dinheiro, já está na conta da secretaria municipal, mas, não pode ser usada por falta de projeto. Na reunião com as lideranças indígenas e vereadores da comissão e Saúde da Câmara, a coordenação da saúde indígena do município se comprometeu de apresentar os projetos com as demandas, o mais breve possível.Segundo o vereador Adanildson Sicsu, membro da comissão de Saúde da Câmara, a liberação do recurso só vem ajudar a melhorar a realidade da saúde indígena, bem como de toda a comunidade. No momento foi entregue ao secretario um requerimento, pedindo mais agilidade na entrega da Casai, bem como, a aquisição de uma ambulancha para atender as comunidade indígenas.
Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

Camu-camu é usado para enriquecer farinha de mandioca

Pesquisadores brasileiros constataram que a adição de camu-camu à farinha de mandioca amarela é capaz de enriquecê-la nutricionalmente, torná-la...

Leia também

Publicidade